Como vender joias e semijoias – Dicas que te farão faturar mais

Já há algum tempo, vender joias ou semijoias pode ser uma ótima opção de negócio.

Ao considerarmos que o segmento de joalherias é um dos que menos sofre alterações, independentemente do cenário econômico que se instaura no país, investir nesse ramo pode ser a porta de entrada para o seu sucesso como empreendedor.

Por conta do crescimento desse mercado, consequentemente, existe uma grande concorrência entre marcas nacionais e internacionais, bem como em todas as modalidades de venda. No entanto, as joias e semijoias estão em condições cada vez mais acessíveis para compra, possibilitando ao empreendedor um lucro atraente.

Para que seu negócio obtenha bons resultados, assim como para qualquer outro ramo de atuação, se faz necessário um planejamento de atuação. Pensar na perspectiva que será adotada por você ou pela sua empresa é fundamental.



É preciso estabelecer um público-alvo, associá-lo a demanda de produtos, buscar fornecedores, criar estratégias de marketing, estipular valores para investimentos e retornos e nisso podemos te ajudar.

revender joias

Estabelecer seu público-alvo ao vender joias e semijoias

Estabelecer seu público-alvo seleciona também seus materiais de trabalho. No caso em que sua atuação será com um público mais privilegiado de recursos, o investimento será maior.

Você não precisa necessariamente fabricar joias originais, mas deverá ter vínculo com marcas já renomadas no mercado. 




Publicidade


Porém, se o seu intuito for atingir clientes com um perfil de recursos financeiros mais baixos, seu investimento também será mais acessível.

Nesse caso você poderá buscar estabelecer parcerias com marcas menores, que trabalhem com especiarias comuns. O importante é sempre ter em mente o quanto você pode investir e de que forma esse valor se transformará em lucros.

Para saber um resumo do que é necessário para começar a revender semijoias assista ao vídeo que publicamos em nosso canal do YouTube!



Demanda de produtos e fornecedores

Com seu público-alvo definido, agora é preciso pensar em sua rede de fornecedores.

No caso da fabricação de peças exclusivas, além de encontrar formas de fazer a compra das pedrarias, você precisa se preocupar com a escolha dos instrumentos envolvidos no processo de confecção da peça até que ela esteja pronta para venda.

No entanto, quando seu intuito é a revenda, essa etapa já não é de sua responsabilidade. Mas apenas revender joias também não é uma tarefa fácil.

A escolha de fornecedores, nesse caso, será feita já considerando produtos finalizados, fornecidos pelas marcas. É importante estar atento as condições que cada marca estabelece com os vendedores, como vendas por atacado, revenda como consultor e garantias.

Confira também:

Estratégias de marketing ao vender joias e semijoias 

O marketing será a alma do seu negócio, pois de nada adiantam os passos anteriores sem que as vendas se tornem efetivas.

Ao optar por revender joias ou semijoias são múltiplas as formas para conquistar clientes. É essencial que os clientes conheçam todas as opções de produtos com os quais você trabalha e observem vantagens ao comprá-los.

Criar um catálogo online pode ser uma boa ideia

Criar um catálogo bem diagramado é uma ótima ideia. Você encontrará diversos sites e aplicativos que podem ajudar você a confeccionar seu próprio catálogo para revender joias, mas caso possível, procure um profissional especializado para desempenhar essa função.



Aposte em fotos padronizadas e de alta qualidade, pois os produtos devem estar em destaque, mas pensar em um cenário padronizado para as fotos, torna seu catálogo ainda mais atraente.

Em casos de vendas não presenciais, em que o cliente não tem contato com as peças antes de comprá-las, o catálogo precisa ser ainda mais próximo da realidade. Fotografar as peças em modelos ou manequins pode ajudar o cliente a entender o real caimento da peça e desejar ainda mais seu produto.

Perfis em redes sociais

Os perfis comerciais em redes sociais facilitam cada vez mais a divulgação das marcas. Facebook, Instagam e WhatsApp Business estão aí para ajudar o empreendedor a expandir seus negócios.

Lembre-se de nunca misturar seu trabalho as suas contas pessoais, isso pode afetar seu profissionalismo. Esteja atento aos perfis comerciais e responda os clientes no melhor tempo possível, pois a eficiência no contato com os clientes é um fator muito relevante.

Condições de pagamento

As condições de pagamento são os últimos itens a serem avaliados no processo de revenda de joias.

Proporcionar opções de parcelamento próprias ou o uso de cartões de crédito podem facilitar ainda mais a compra do cliente, mas é preciso pensar sobre essas situações, em especial se tiver que adquirir uma máquina de cartão.

Busque sempre simular as taxas de parcelamento para não ser surpreendido depois. Isso porque às vezes essa taxa pode corresponder a um valor muito próximo do que seria seu lucro e irá afetar bruscamente seus resultados.

Após se informar desses valores você poderá pensar em possibilidades para escapar desse problema.

É comum que a taxa de juros referente ao parcelamento seja somada ao valor do produto, ou que o parcelamento só seja possível em compras acima de um valor especificado pelo vendedor.

Formas de conseguir e vender joias e semijoias

O empreendedor que decide apostar na venda de joias e semijoias pode optar pelas vendas porta a porta ou abrir um negócio próprio para expor suas mercadorias.



Expor seus produtos na internet também é uma boa ideia, como já dissemos antes, com boas fotos de produto para chamar a atenção dos clientes.

Em relação às formas de adquirir os produtos, a venda de joias e semijoias oferece diversas opções como a obtenção de peças por compras no atacado ou diretamente com as marcas, como é o caso das semijoias e bijuterias. Você consegue uma lista de marcas e fornecedores clicando aqui e aqui.

E em se tratando das joias e semijoiais, também é possível adquirir esses produtos de forma consignada. Uma ótima forma de iniciar nesse negócio sem investimento.

Seja um vendedor preocupado com a qualidade completa do serviço que você oferece e veja resultados!

Veja também: Como revender calcinhas – Dicas de fornecedores e como lucrar

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário