O que é o Full do Mercado Livre? Todas as dicas sobre o Fulfillmet

Se destacar no Mercado Livre hoje já não é mais tão fácil quanto há alguns anos. A concorrência é grande e por isso adotar estratégias como a do Fulfillment pode valer a penas e ajudar o empreendedor a vender mais. Mas afinal, o que é o “Full” do Mercado Livre?

Em vendas pela internet, além do próprio produto, nada é mais importante do que um processo logístico ágil e sem erros. A entrega rápida de mercadorias acaba equivalendo hoje como diferencial entre um vendedor e outro e é isso o que o Fulfillment garante.

Veja a seguir tudo o que você precisa saber sobre o modelo full no Mercado Livre e quais os benefícios ele pode trazer tanto para o lojista quanto para o consumidor.

Publicidade

Confira também:
Como enviar produto vendido pelo Mercado Livre?



O que é o Fulfillment

full mercado livre

No Mercado Livre aderir ao modelo fulfillment quer dizer que o lojista passa toda a responsabilidade logística para o Mercado Livre.

Adotando o modelo, o empreendedor passa a não ter preocupações com as entregas de seus produtos, visto que o seu estoque fica armazenado no centro de distribuição do marketplace.

Ao optar pela participação no programa, o lojista também é beneficiado com as entregas full. Isso quer dizer que as entregas das mercadorias ao cliente acontecem de forma muito rápida, em até 48h após a compra.

Publicidade


Publicidade


Como funciona o Full no Mercado Livre

Ao se tornar um lojista full, o empreendedor deve selecionar os seus produtos com maiores vendas para serem enviados ao centro de distribuição do Mercado Livre na cidade de São Paulo.

Feito isso, o marketplace fica responsável por processar, armazenar, embalar, e despachar as mercadorias sempre que uma venda é efetuada. Além disso, também é o Mercado Livre que cuida dos processos de pós-vendas, evitando que o lojista precise lidar com problemas relacionados ao envio.

Publicidade

Com o full, o frete é gratuito para os clientes, o que faz aumentar as possibilidades de vendas do lojista. No entanto, esse é um valor que pode ser acrescido como despesa para o empreendedor. Para contornar essa situação, o Mercado Livre cobre até 70% do valor do frete em produtos a partir de R$79.

Publicidade

Como aderir ao Full do Mercado Livre

Por todas as vantagens que o “full” oferece aos comerciantes, esse é um modelo que não está disponível para todos os lojistas do Mercado Livre.

Para estar apto a ser escolhido para usar o fulfillmet, o lojista precisa ou ser uma loja oficial que vende também no marketplace (Ri Happy, Netshoes e etc.) ou ser um mercado líder.

Além dessas exigências, para ser um usuário do full as empresas precisam se encaixar nos regimes de trabalho do Simples Nacional, Lucro Real ou Lucro Presumido. O limite máximo de faturamento mensal para poder participar do programa é de R$400 mil para as pequenas empresas e de R$360 para as micro.

Caso se encaixe em tais exigências, o lojista pode solicitar sua participação no programa através do processo de contato com o Mercado Livre. O marketplace irá avaliar o lojista e caso o mesmo esteja apto, um representante da plataforma entrará em contato para dar continuidade ao processo.

É importante saber que, para lojistas de fora da cidade de São Paulo, é necessário efetuar uma abertura de filial para poder fazer parte do programa.

Maiores vantagens do “Full”

Além da vantagem de não precisar se preocupar com uma das etapas mais complicadas de vendas online, a logística, os aderentes ao full contam com mais alguns benefícios no Mercado Livre.

A primeira delas é que anúncios de lojistas fulfillment tem prioridade nas buscas da plataforma. Sendo assim, os consumidores encontram esses anúncios primeiro do que os de produtos similares que não oferecem essas entregas super rápidas.

Outra vantagem que faz com que aumente as chances de recompra nos lojistas que oferecem o full, é que os clientes de São Paulo recebem suas mercadorias com menos de um dia após fazerem a compra. Dessa forma, para compras realizadas até as 22h o consumidor recebe sua encomenda no dia seguinte, inclusive aos sábados.

Publicidade

Por último, como não existem atrasos nas postagens dos produtos, a reputação do vendedor está sempre em alta, abrindo caminho para mais consumidores interessados em fazer negócio.

Veja também: Vídeos nos anúncios do Mercado Livre: coloque e FATURE MAIS!

Publicidade

Dicas para enviar estoque ao Full do Mercado Livre

Para que o Mercado Livre possa efetuar o serviço fulfillment com mais precisão, é muito importante que o lojista tenha alguns cuidados no momento de enviar seus estoques aos centros de distribuição. Veja a seguir algumas dicas que podem ajudar nessa etapa:

  • Tenha certeza de que as dimensões e peso dos produtos enviados estão de acordo as regras do programa. No caso, não se deve enviar produtos com mais de 2 metros de diâmetro, nem com mais de 30kg.
  • Envie seus produtos campeões de venda e em quantidade suficiente para cobrir sua demanda de vendas.
  • Declare ao marketplace a data e horário do envio dos seus produtos. Caso o estoque esteja em São Paulo também é possível agendar uma coleta feita pelo Mercado Livre.
  • Embale bem seus produtos nas embalagens primárias de forma a deixá-los protegidos para o transporte até o centro de distribuição. Não esqueça de identificar cada produto e agrupá-los em caixas, pallets ou outros recipientes de armazenagem.

Com essas dicas você facilita o trabalho dos colaboradores dos centros de distribuição, e garante que não haja nenhum erro no momento de despachar os seus produtos aos cliente.

 

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário