Aprenda como plantar cenoura e ganhar dinheiro vendendo o legume e produtos derivados

Alimento presente na maioria das refeições dos brasileiros, a cenoura tem mercado garantido durante todo o ano. Por isso, plantar cenoura e vendê-la é uma opção para empreendedores que desejam investir no segmento de alimentos.

Pensando em plantar e vender o legume? Então, confira este post completo que preparamos sobre o cultivo e comercialização de cenoura!

como plantar cenoura

Vale a pena plantar cenoura e vendê-la?

A cenoura é um legume com boa demanda no mercado, portanto, a venda é garantida e se tem possibilidade de lucrar durante todo o ano, não importa qual seja a estação.

Publicidade

Além disso, há variedades que suportam bem climas variados, assim como que apresentam maior resistência a doenças e pragas, o que minimiza a possibilidade de prejuízo.



Justamente por essas características, o cultivo e venda de cenoura é uma boa opção para o produtor, principalmente quando se busca o menor risco possível.

Variedades de cenoura para plantio

A variedade de cenoura com formato cilíndrico ou cônico é a preferida dos brasileiros. As cilíndricas pertencem ao grupo nantes, que tem origem francesa e seu plantio se dá em climas amenos ou frios.

Já as cenouras cônicas pertencem ao grupo brasília, que foram obtidas em um programa de melhoramento para cultivo no verão, feito inicialmente pela Embrapa.

Publicidade


Publicidade


Tais variedades de cenoura costumam dar legumes lisos, sem raízes secundárias ou laterais, com comprimento que varia de 15 a 20 centímetros, além de 3 a 4 centímetros de diâmetro.

Como plantar cenoura

A cultura de cenoura exige que o produtor tenha solo e ambiente ideais, bem como a adoção de técnicas de cultivo que contribuirão para ter uma excelente produção. Confira, a seguir, como plantar cenoura:

Publicidade

Solo e clima ideais

Recomenda-se que o solo seja de textura média, rico em matéria orgânica e com pH de aproximadamente 6. Dá para plantar cenoura em canteiros a partir de 0,8 a 1,4 metro de largura, bem como de 15 a 30 centímetros de altura.

Publicidade

O clima perfeito é entre 20 e 30 graus Celsius, mas essa temperatura ideal pode mudar de acordo com a variedade da cenoura eleita. Portanto, sempre verifique quais são as melhores condições de acordo com o tipo de cenoura.

Preparo do solo

Recomenda-se fazer uma limpeza da área antes do plantio ou incorporação de restos culturais. Então, dê procedimento com a aração do solo, gradagem e levantamento de canteiros.

Os canteiros devem ter de 0,8 a 1,4 metro de largura, e de 25 a 30 centímetros de altura, com espaçamento de 30 centímetros entre eles.

Plantio

O plantio é feito em sulcos com um ou dois centímetros de profundidade e distância de 20 centímetros. Use uma lata com furo de aproximadamente 5 milímetros no fundo ou um vidro com tampa furada. Sacuda a lata ou vidro para as sementes caírem nos sulcos.

Caso plante em grandes áreas, existe a possibilidade de realizar a semeadura com plantadeiras de precisão, o que dará ainda mais agilidade para o processo de plantio.

Irrigação

A irrigação é feita depois do plantio, para começar a germinação. O sistema de aspersão convencional é o mais indicado para áreas de cultivo pequenas. Já para as grandes, o pivô central é a melhor opção.

A primeira irrigação deve atingir 20 centímetros de profundidade. Depois disso, as regas devem ser feitas de acordo com o solo e condições climáticas da região.

Produção e colheita

A colheita tem início quando as folhas mais velhas apresentam tom amarelado, ficam secas e se curvam. De maneira geral, isso ocorre de 80 a 120 dias depois do plantio.

Publicidade

Todo o processo de colheita, com arranquio, separação de folhas e coleta é realizado manualmente. As cenouras arroxeadas ou esverdeadas, com rachaduras ou deformações, são descartadas porque esses sinais são indícios de doenças ou nematoides.

Como vender cenoura

O produtor tem duas principais possibilidades de venda: in natura ou produtos derivados. No que se refere à primeira opção, dá para comercializar o legume para feirantes, supermercados, hortifrúti e sites especializados, por exemplo. Dá para vender o legume inteiro ou em pedaços, ralado, entre outros.

Publicidade

Já na segunda opção, trabalha-se com produtos derivados da cenoura, como sucos, saladas e bolos. É uma alternativa para quem busca ampliar seu portfólio de produtos, oferecendo algo com valor agregado.

Se cultivar a cenoura orgânica, dá para transformar isso em seu diferencial de venda, conseguindo aumentar o preço do produto e lucrar mais.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário