Aprenda como plantar alface e ganhar dinheiro vendendo a verdura e produtos derivados

Plantar alface para comercializá-lo é uma opção de empreendimento que pode lhe render um bom dinheiro. Não é para menos, afinal, trata-se de um alimento com bom índice de vendas mensalmente.

Aqui, damos todas as informações que você precisa saber sobre plantar alface, para realizar esse investimento. Confira e também veja dicas sobre como vender a verdura e produtos derivados.

como plantar alface

Vale a pena plantar alface?

O cultivo de alface é uma alternativa que compensa porque se trata de um alimento com venda garantida, uma vez que faz parte da refeição dos brasileiros no dia a dia.

Publicidade

Além disso, o plantio de alface é versátil, tanto que pode ser feito em áreas grandes ou pequenas, possibilitando o cultivo por produtores de diferentes portes e com orçamentos variados.



Ampla variedade

Um dos principais diferenciais de plantar alface é que o produtor possui à sua disposição uma ampla variedade da verdura, o que permite encontrar e utilizar uma que seja mais adequada ao solo, clima e orçamento que possui.

Entre as principais variedades, destaque para a alface lisa, crespa, verde, roxa, romana, americana, frisada, entre outras. Todas podem ser utilizadas na preparação de saladas, bem como de lanches.

Como plantar alface

O cultivo de alface exige que o produtor tenha cuidados específicos para garantir uma produção alta, com menor risco de prejuízos. Confira, a seguir, como plantar a verdura e ter uma boa safra:

Publicidade


Publicidade


Solo e ambiente ideais

Recomenda-se que o solo tenha textura média, alto teor de matéria orgânica e baixa acidez, que pode ser controlada com uso de calcário dolomítico. No que se refere ao clima, a indicação geral é de que seja ameno, com temperatura entre 20ºC e 25ºC.

Evite áreas com solo propenso a encharcamentos, o que reduz consideravelmente a possibilidade de doenças em raízes, além de minimizar a chance de prejuízos.

Publicidade

Sistema de cultivo

Independente de qual seja a variedade com a qual escolheu trabalhar, ela pode ser plantada usando um desses sistemas de cultivo: no solo ou solução nutritiva (a famosa alface hidropônica). A melhor alternativa será aquela que atende seu orçamento.

Publicidade

Propagação

A propagação da alface é por meio de sementes, que são utilizadas para formar mudas em bandejas ou sementeiras. O processo é simples, basta fazer sulcos de um centímetro de profundidade com espaçamento de dez centímetros.

Então, distribua as sementes de maneira uniforme e espere cinco dias para a germinação. Quando as mudas alcançarem de cinco a sete centímetros de altura já dá para fazer o transplante.

Caso queira ter máxima praticidade para iniciar o cultivo da alface, existe a alternativa de comprar as mudas, iniciando o plantio pelo transplante.

Um detalhe importante: escolha horas com temperaturas amenas para fazer o transplante, para não correr o risco de danificar as mudas.

Plantio e espaçamento

Indica-se o plantio em canteiros com espaçamento de 30 centímetros entre plantas e entre linhas, caso seja um cultivar comum. Se for alface americana, o ideal é trabalhar com um espaçamento de 35 centímetros.

Há, ainda, a possibilidade de cultivo em jardineiras ou caixotes, mas eles precisam ter uma altura de 25 centímetros para possibilitar o desenvolvimento / crescimento adequado da alface.

Irrigação

A alface precisa receber água diariamente, no período da manhã ou final da tarde, de acordo com as características de clima e solo. Mas, atente-se a um ponto fundamental: não se deve deixar o solo encharcado!

Produção e colheita

As etapas de produção e colheita começam de 50 a 80 dias depois do plantio (prazo varia conforme o tipo de alface, características do solo e temperatura da região). No verão, o prazo tende a ser menor do que no inverno.

Publicidade

Como vender alface

O produtor tem a opção de vender alface in natura para feirantes, supermercados, restaurantes e lanchonetes, bem como ao consumidor final em sites especializados como os que conectam pequenos produtores ao cliente.

Quer ampliar ainda mais seu portfólio de produtos para aumentar seu faturamento? Uma opção é trabalhar com produtos derivados, como a fabricação e venda de sucos verdes detox.

Publicidade

Também há a possibilidade de comercializar a alface higienizada e/ou picada, utilizando embalagens especiais para mantê-la tenra por muito mais tempo.

Em todos os casos, tenha o cuidado de precificar seu produto corretamente, considerando custos, lucro, se é alface orgânica (que possibilita faturar mais), entre outros, para evitar prejuízos.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário