Aprenda como plantar cebola e ganhar dinheiro vendendo o legume e produtos derivados

Plantar cebola e vender o legume e/ou produtos derivados é uma opção para empreender no ramo de alimentos e ter bom faturamento. Não é para menos, afinal, tem-se demanda o ano inteiro, com boa possibilidade de lucro.

Aqui, você confere como plantar cebola, com dicas para ter uma boa produção, além de conhecer formas de venda do produto. Acompanhe!

plantar cebola

Vale a pena plantar cebola e vendê-la?

Utilizada no dia a dia do brasileiro para dar realce e tempero a pratos, a cebola tem mercado garantido o ano todo. Por isso, seu cultivo é uma excelente alternativa para empreender no segmento de alimentos.

Publicidade

A cultura de cebola ainda conta com os diferenciais de se desenvolver em qualquer lugar, desde que receba muitas horas de luz por dia. Sob a incidência da luz, tem-se uma melhor indução, formação e manutenção do bulbo.



Como pode ser plantada em áreas de quaisquer tamanhos, é um legume versátil, podendo ser uma escolha desde o pequeno produtor até o grande, sempre com boa produtividade.

É difícil plantar cebola?

O cultivo de cebola não exige que o produtor adote técnicas complexas. Além disso, o plantio é feito com base em um sistema de uso racional de insumos, o que reduz o custo da cultura.

Logo, é uma excelente opção para o empreendedor iniciante no segmento, inclusive para o pequeno produtor que não conta com um orçamento robusto para iniciar o cultivo.

Publicidade


Publicidade


Como plantar cebola

O processo de plantio e cultivo demanda que o produtor se atente a alguns pontos para conseguir ter uma boa produtividade e evitar prejuízos. Confira, a seguir, tudo o que você precisa saber sobre plantar cebola:

Solo e ambiente perfeitos

Embora a cebola pegue bem em solos e ambientes variados, há algumas condições de plantio que são consideradas perfeitas. Entre elas, destaque para um local com pelo menos 12 horas de luz por dia.

Publicidade

Isso se deve ao fato de a luz contribuir diretamente para a emergência de plântulas e crescimento de folhas completo. Normalmente, a bulbificação acontece somente em dias que têm luz acima de 10 horas.

Publicidade

No que se refere ao solo, recomenda-se que seja úmido. Já sobre o clima, o ideal é que seja na faixa de 20ºC a 25ºC, conseguindo ter bons resultados em ambientes com essas características.

Plantio da cebola

O produtor pode escolher entre três métodos de plantio, sendo um deles com semeadura direta, em etapa única, com distribuição de sementes na área definitiva.

Outro método é o de transplante de mudas, com semeadura em canteiros ou recipientes de produção (bandejas, por exemplo). Quando as mudas tiverem de duas a três folhas, faça o plantio no local de cultivo.

O terceiro e último método é o mais trabalhoso de todos, o de plantio por bulbos que se inicia com a semeadura densa em locais com temperatura e fotoperíodo crescentes.

Colha os bulbinhos e aguarde a quebra da dormência, o que demorar aproximadamente 30 dias. Depois, basta transferir os bulbinhos para o local de plantio definitivo.

Espaçamento

O espaçamento ideal deve considerar condições locais de cultivo. Se for em região ou época úmida, o espaçamento adequado é o amplo. Caso seja um local de baixa umidade, os espaçamentos menores são os mais indicados.

Cuidados extras

A indicação geral de cuidados para cultivos de cebola é acompanhar todas as etapas de produção e venda, porque é quando algumas doenças aparecem, como os tripes, que podem causar sérios prejuízos ao produtor.

Mas, de modo geral o cultivo de cebola não costuma ter grandes problemas de ataques de pragas, o que dá maior segurança para o produtor.

Publicidade

Produção e colheita

A colheita tem início de 100 a 180 dias depois do início do plantio. Para saber se a cebola está pronta, basta verificar se está amolecida na região do pseudocaule (pescoço) e se há tombamento da parte aérea da planta no solo.

Outra forma de saber quando já dá para iniciar a colheita é verificar a tonalidade das folhas. Quando de 40% a 70% estiverem amarelas ou secas, já dá para colher as cebolas.

Publicidade

Como vender cebola

A venda pode ser in natura para comerciantes e supermercados, bem como feirantes e lojas especializadas. Outra forma de comercializar é trabalhar com produtos derivados como chips de cebola e temperos prontos, misturando-os com alho, coentro, entre outros.

Certifique-se de trabalhar com técnicas de produção adequadas, embalagens especiais e precificação correta. Produtos derivados e orgânicos, por exemplo, têm maior preço e, consequentemente, geram maior lucro.

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário