Como economizar nas contas da empresa: dicas para sair do aperto

Conseguir economizar nas contas de empresa e fazer sobrar um pouco mais de dinheiro no fim do mês é desejo de quase todos os empreendedores, e com algumas dicas é possível atingir esse objetivo.

Mensalmente, os negócios precisam lidar com variados custos que garantem o seu funcionamento. Porém, a verdade é que muitos valores poderiam ser menores com um pouco de planejamento e negociação.

Em momentos de crise como o que estamos vivendo, buscar maneiras de economizar, sem, no entanto, reduzir a qualidade dos produtos ou serviços, pode representar a sobrevivência ou não de um negócio.

economizar nas contas da empresa

Veja a seguir algumas dicas que certamente irão ajudar na economia do cotidiano do seu negócio e garantir que a sua lucratividade possa ser maior.



Veja também: 

Levantamento de todos os custos – Como economizar nas contas da empresa

A primeira coisa a ser feita quando se pensa em economizar, é saber exatamente quanto e em que se está gastando.

Dessa forma, realize um levantamento em todos os setores da sua empresa, seja de produção, vendas, armazenamento, processos gerenciais, entre outros, e saiba quanto você paga atualmente em cada um deles.




Publicidade


A partir daí ficará mais fácil observar no que se está gastando mais que o necessário e de elaborar estratégias de economia.

Tente negociar o valor de aluguel – Como economizar nas contas da empresa

Um dos custos de alto valor da maioria das empresas, é o aluguel pago pelo ponto comercial em que atendem.

Tentar renegociar esse valor com o locatário pode fazer com que a receita da empresa aumente. Sendo assim, vale a tentativa, especialmente em períodos nos quais o negócio pode estar com baixa nas vendas ou contratações de serviços.



Caso não seja possível, uma alternativa se o modelo de negócio permitir, é começar uma busca por outro imóvel que possa comportar bem o negócio, porém, com um valor mais atraente.

Vale cogitar a hipótese e realizar uma pesquisa.

Análise de serviços contratados

Todas as empresas precisam de serviços de outras companhias para funcional, entre elas a fornecedora de internet, água, luz, serviços fiscais, etc.

Alguns desses serviços, como os públicos, são mais difíceis de se negociar, porém, outros possuem maior abertura, e se necessário, até mais fornecedores.

Sendo assim, avalie bem quanto você vem pagando para esses fornecedores e tente uma negociação para redução de custos, ainda que precise abrir mão de algumas coisas.

Um exemplo disso são as operadoras de internet. Às vezes o empreendedor pode ter contratado um plano com mais coisas do que o necessário para a empresa e vem pagando mais caro por isso. Um plano mais simples certamente é mais barato e supri aquilo que o negócio precisa.

Da mesma forma, algumas operadoras de máquinas de cartão podem praticar taxas mais altas do que outras, o que reduz a lucratividade do negócio. Vale pesquisar para saber se alguma outra prestadora está valendo mais a pena.

O mesmo pode estar ocorrendo com os fornecedores de matéria-prima ou mercadorias para revenda. Caso não seja possível renegociar valores, pesquise se outro fornecedor não poderia fornecer os mesmos produtos por valores mais baixos.

Para economizar, “pesquisa” é a palavra de ordem.

Pense em estratégias de redução de desperdícios

Uma das áreas em que as empresas que trabalham com produção, venda e estocagem de produtos mais acabam tendo prejuízos é na perda e desperdícios.



É comum que linhas de produção mal planejadas acabem tendo erros que geram o descarte de produtos, sejam eles mercadorias finais ou matérias-primas. Da mesma forma, empresas que trabalham com estoque, se não contam com um bom controle e armazenamento, acabam tendo perdas de produtos que vencem ou por algum motivo não podem ser colocados na área de vendas.

Esses problemas, apesar de comuns, quando somados evidenciam um prejuízo considerável todos os meses para o negócio. Sendo assim, planejar, organizar e treinar as equipes evitam esses desperdícios e, consequentemente, ajudam na economia financeira da empresa.

Essa ideia de reduzir desperdícios é um dos pilares da filosofia LEAN a qual muitas empresas vem aderindo nos últimos anos.

Cogite a migração parcial (ou integral) para o digital

Com o passar dos anos a tendência é que cada vez mais pessoas passem a fazer negócios apenas de maneira digital, sendo assim, se a sua empresa é de comércio uma das formas mais certeiras para economizar nas contas é migrando para um e-commerce.

Os custos para manter uma loja online são muito menores que os de uma loja física visto que não há cobranças de aluguel, água, luz, etc.

É claro que, não necessariamente seja preciso fechar a loja física e operar apenas online, mas com essa opção, pode-se pensar em diminuir estruturas, trabalhar em horários mais estratégicos e que possam diminuir custos.

Um exemplo é abolir os trabalhos aos fins de semana e migrar essas vendas apenas para o online. Com isso a empresa consegue extinguir custos com horas extras, porém, sem afetar suas vendas.

Vale a pena pesquisar mais sobre essa ideia e avaliar se ela seria viável no seu negócio.

Veja também: Como divulgar minha empresa gratuitamente – Dicas!



Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário