Como abrir uma creche: investimento, regras e como iniciar

Com a necessidade cada vez maior de todos os membros de uma família terem atividade remunerada, a procura pelas creches só aumenta a cada ano. Dessa forma, abrir uma creche particular, atualmente, é uma das melhores formas de iniciar um negócio lucrativo.

A falta de vagas suficientes por parte dos órgãos públicos e a busca por educação qualificada para os filhos, leva muitos pais a buscarem vagas em instituições de educação privada.

Dessa forma, ao abrir uma creche é necessário ficar atento para alguns aspectos que podem influenciar a escolha desses responsáveis para essa ou aquela instituição.

Para saber quais aspectos são esses, além de processos básicos para a abertura de um centro de educação infantil, leia os tópicos a seguir.

como abrir uma creche

Análise da Concorrência

Antes de escolher o local onde pretende abrir o seu negócio é muito importante fazer um levantamento sobre os seus possíveis concorrentes.

A concorrência te dará um panorama melhor se o seu negócio é viável naquela região e quais diferenciais são possíveis adotar para chamar a atenção dos possíveis clientes.

Nesse levantamento você deve analisar a quantidade de serviços desse mesmo tipo são ofertados na região. No seu levantamento deve constar escolas que também prestam serviço de creche, cheches públicas e outras creches particulares.

Após saber a quantidade, está na hora de avaliar os serviços que cada um desses locais oferece. Horários, atividades, qualidade e formação dos cuidadores, estrutura física e tudo mais que possa ser pertinente.

Feito tudo isso, está na hora de listar aquilo que o seu estabelecimento pode oferecer a respeito de todos os tópicos avaliados e o que pode fazer melhor e de forma inovadora.

Se for possível, procure promover uma pesquisa de massa nas proximidades de onde pretende abrir a sua creche. Dessa forma você conhece melhor as necessidades e desejos de possíveis clientes.

como abrir uma creche

Análise de Público Alvo

Agora que você já tem uma boa noção dos seus possíveis concorrentes, está na hora de avaliar o público alvo do seu negócio.

Existem vários tipos de serviço de creche que podem ser oferecidos a depender do público que o estabelecimento pretende atingir.

Por tanto, avalie o poder aquisitivo dos moradores da região que você está pensando em atender. A partir daí, você conseguirá definir melhor as questões de atividades, profissionais e estrutura que poderá oferecer pelos valores que pretende cobrar pelos seus serviços.

Lembre-se que, os valores a serem cobrados devem ser competitivos em relação aos concorrentes e coerentes com a situação financeira do seu público.

Escolhendo o local para abrir a sua creche

Ao escolher o local onde pretende instalar o seu negócio é necessário verificar algumas coisas.

O espaço total do prédio deve ser grande o suficiente para suportar:

  • Uma sala de recreação
  • Berçário
  • Dormitório
  • Sanitários
  • Espaço para os profissionais
  • Cozinha
  • Salas de turmas
  • Recepção para atendimento
  • Depósito de materiais
  • Despensa

É indispensável que todo o prédio conte com boa iluminação e ventilação dos espaços. Em casos de prédio com dois andares, grades ou rede de segurança devem ser colocadas nas janelas.

Se for possível, contar com um espaço externo em um local como esse também pode ser um diferencial muito bem-vindo, pois ele permite realizar atividades ao ar livre com as crianças.

Outra questão importante ao se observar no momento de escolher o local onde a creche será instalada é o acesso facilitado de pais e responsáveis. Por tanto, a escolha por locais onde o trânsito não seja tão intenso e como fáceis vias de acesso são bastante indicados, até mesmo para maior segurança dos alunos.

Poder contar com um estacionamento não é obrigatório, porém pode ser um grande diferencial para pais e profissionais.

Móveis e materiais que uma creche precisa ter

É sempre bom que as salas de uma creche tenham o piso recoberto com material menos duro e antiderrapante como o EVA. Isso pode evitar inúmeros acidentes com as crianças, em especial as menores que são mais propensas as quedas.

Em geral, os móveis básicos para a montagem de um centro infantil são:

  • Mesas e cadeiras em tamanho apropriado para o uso infantil;
  • Armários para guardar materiais de uso frequente
  • Mesa e cadeira para os profissionais de sala
  • Locais de armazenamento para brinquedos e jogos
  • Lousa
  • Colchões e Berços
  • Trocadores
  • Materiais de educação como livros, papel, cadernos, etc.
  • Balcão de atendimento para recepção
  • Computadores e telefones
  • Material de escritório
  • Impressoras para impressão de documentos e atividades
  • E outros.
investimento inicial creche

Corpo de Funcionários

Para abrir qualquer tipo de instituição educacional infantil é preciso contratar funcionários especializados no cuidado com crianças. São eles:

  • Pedagogos e auxiliares de pedagogia
  • Funcionários de administração
  • Contador
  • Cozinheiros
  • Funcionário de limpeza
  • Professores de atividades extracurriculares (caso a instituição ofereça esses serviços)

Veja também

7 Franquias de sucesos que valem o investimento

Documentação para iniciar as atividades

Para iniciar as atividades de uma creche é necessário obter algumas liberações junto aos órgãos municipais.

O primeiro de tudo é procurar a Secretaria de Educação do município para saber todas as propostas e planos pedagógicos obrigatórios que a creche precisará exercer. Nesse mesmo órgão eles irão indicar o restante de documentação e onde solicitá-la para que a creche possa começar a operar.

Possivelmente será necessário conseguir um alvará de funcionamento junto a prefeitura e também uma liberação de segurança do corpo de bombeiros.

A maior parte dessa documentação deve estar pronta ao menos 120 dias antes do início das atividades. Sendo assim, quando terminar de viabilizar o seu negócio, já é bom procurar todos esses órgãos e iniciar os trâmites legais para que o seu estabelecimento já comece de forma correta e sem riscos.

Ah, outra coisa que importante, que pode ser até óbvia, é que a creche precisa ser registrada formalmente como uma empresa. Não é possível abrir um estabelecimento, legalizado, como esse sem a obtenção de CNPJ, Razão Social e Nome Fantasia. Então, procure um contador para te ajudar com a abertura da empresa antes de qualquer coisa.

Capital para abrir e manter uma creche

Depois de tudo analisado como local, previsão de quantidade e matriculados, base de valor de mensalidade, quantidade de funcionários e demais especificações, já é possível ter uma noção de quanto capital precisará ser investido para abrir e manter uma creche.

Sendo assim calcule todos os gastos fixos (como aluguel, água, luz, internet, salários, etc.) e gastos esporádicos (obtenção de móveis, licenças, ajustes…) e não esqueça que, além disso, é preciso ter um capital extra para que o negócio sobreviva antes de o retorno de investimento voltar.

Atividades extras que uma creche pode oferecer

Com tanta competição de negócios pedagógicos, a implantação de algumas atividades extras no seu estabelecimento pode ser a chave para conseguir mais clientes. Dessa forma, abaixo você encontra algumas opções que talvez sejam viáveis de oferecer aos seus clientes.

Aulas de Balet Baby

O Balet é um diferencial e tanto ao se oferecer como atividade para as crianças. Além de ter um forte apelo emocional, em especial nas mães, também é uma atividade que ajuda no desenvolvimento da coordenação motora dos pequenos.

Teatro para crianças

O Teatro é outra atividade extremamente benéfica para as crianças, pois ele trabalha a imaginação, o desenvolvimento da fala, da coordenação motora e as interações sociais.

No vídeo a seguir, do canal Escola Educar, a professora de Teatro Maria Angélica, fala um pouco da importância dessa atividade no desenvolvimento infantil.

Aulas de Inglês

Já há muitos anos que sabemos que no aprendizado de uma nova língua, quanto mais cedo se começa melhor a fixação desse novo idioma no cérebro. O inglês é utilizado em várias fases da vida, dessa forma, oferecer essa atividade na sua instituição pode conquistar muitos novos alunos.

Lembrando que, no início de um negócio dificilmente será possível oferecer todas essas atividades e é sempre importante consultar a viabilidade financeira do estabelecimento. Mas, se conseguir oferecer ao menos uma dessas aulas extras, com certeza a sua creche terá mais relevância no momento dos responsáveis escolherem onde colocar seus filhos 😉

Veja também

Brechó Online: o guia completo para abrir o seu e ter sucesso

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário