Sebrae revela que 29% dos MEI tem fechamento em menos de cinco anos

A pesquisa Sobrevivência de Empresas feita pelo Sebrae foi divulgada na primeira quinzena do mês de junho e demonstrou que de cada dez MEI, três optando pelo fechamento de seu registro empreendedor em menos de cinco anos. Com isso, esse tipo de empreendimento tem a porcentagem de mortalidade mais alta entre os modelos de negócio, chegando a 29%.

Segundo o estudo, empresas de maior porte possuem taxa de sobrevivência mais altas devido ao preparo dos gestores em lidar com variadas situações que podem ocorrer. Ainda assim, 17% dos empreendimentos de pequeno porte também são vítimas das baixas de CNPJ.

Quando analisados os setores mais atingidos, a pesquisa revelou que a maior fatia é representada pelo comércio, chegando a 30,2%, seguido pelos negócios da indústria da transformação com 27,3% e pelo setor de serviços, com 26,6%.

Publicidade

Veja também



Principais motivos para o fechamento do MEI

fechamento mei

Além dos dados de fechamento, a pesquisa do Sebrae também revelou os principais motivos para o fechamento de tantos negócios de microempreendedores individuais.

Segundo revelou o presidente do Sebrae, Carlos Melles, o principal motivo para tantas baixas é que a maioria dos microempreendedores decidem investir na abertura de um negócio por necessidade e não por oportunidade.

42% das pessoas entrevistadas no estudo, revelaram estarem desempregadas antes de decidirem abrir a própria empresa.

Publicidade


Publicidade


A maior consequência desse tipo de empreendedorismo é que o indivíduo acaba não se capacitando o suficiente para conseguir gerir um negócio da melhor forma. Falta formação, preparo e pesquisa de mercado, que resultam em falta de planejamento, necessário para que o negócio se firme.

Outro motivo apontado pelo estudo foi a facilidade com que um registro MEI pode ser aberto, diferente das empresas tipo ME e EPP. A abertura do MEI pode ser feita quase que inteiramente online e em poucos minutos o empreendedor já tem acesso ao seu CNPJ.

Publicidade

Da mesma forma, a baixa desse tipo de empresa é muito menos burocrática quando comparada aos outros modelos de registro.

Publicidade

Dessa forma, muitos indivíduos que decidem abrir um negócio sem muito planejamento, acabam apostando nessa facilidade e quando veem que não há chances para o negócio, simplesmente decidem por encerrá-lo.

Por último, mais um motivo dos fechamentos não só de negócios MEI, mas de empresas de outros portes, é a dificuldade na obtenção de crédito, especialmente em períodos de crise, como o de agora.

Dos entrevistados pelo Sebrae, 34% acreditam que se houvessem tido acesso a linhas de crédito empresariais, seus negócios não teriam fechado as portas.

Esses dados, a depender do ponto de vista, também mostram que os recentes programas de crédito lançados pelo Governo Federal não atinge o seu suposto público-alvo.  Ações como o Pronampe, por exemplo, deveriam auxiliar desde o micro até os pequenos empreendedores. No entanto, a pesquisa revelou que apenas 7% dos entrevistados conseguiu obter crédito bancário durante a crise.

Como evitar o fechamento do MEI

Para evitar o fechamento do MEI em um curto período de tempo, o empreendedor precisa, antes de qualquer coisa, de um bom planejamento.

Pesquisa de mercado

É evidente que em momentos de necessidade, a prioridade é conseguir renda para manter as finanças, no entanto o indivíduo precisa ter em mente que, caso dê errado, o negócio pode representar um alto prejuízo em curto ou médio prazo.

Sendo assim, ainda que seja caso de emergência, o empreendedor precisa fazer uma pesquisa de mercado na sua região e entender se o negócio que tem em mente é viável de ser aberto ali.

Veja aqui como criar um plano de negócio, documento que certamente te ajudará no início da sua jornada empreendedora.

Publicidade

Capacitação Técnica

É imprescindível que o aspirante a empreendedor invista em preparação técnica para conseguir administrar o seu negócio da forma correta.

Hoje em dia é muito fácil de encontrar diversos cursos, até mesmo gratuitos, para serem feitos online.

Publicidade

Você pode ver nesse artigo quais são os cursos mais interessantes para quem está pensando em começar no mundo dos negócios.

Planejamento Financeiro

Por último, um planejamento financeiro e reserva de capital de giro e de emergência para momentos de crise pode ativamente, evitar o encerramento das atividades empreendedoras.

Fonte: G1

Veja também: Cartão de Crédito caixa para MEI – Como funciona

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário