Roupas para Revender – Quais as melhores peças, lucros e como conseguir fornecedores

Investir em roupas para revender é uma opção de empreendimento que pode trazer bom lucro. Quer apostar nessa ideia? Então, confira aqui as dicas que separamos e aproveite para adotá-las em seu negócio!

Roupas para revender

Roupas para revender: quais as melhores peças?

É muito importante definir com qual tipo de roupa trabalhará e é justamente aí que muitos se perguntam: afinal, quais são as melhores peças?

Invariavelmente, depende muito. Se sua intenção for vender roupas com boa saída o ano inteiro, as básicas, como calças, camisas, camisetas, shorts e vestidos são sempre ótimas escolhas.

Publicidade

Mas, você também pode focar em um nicho específico e trabalhar somente com moda íntima, roupa fitness, moda infantil ou moda praia, por exemplo.



Para estabelecer as peças ideais é importante considerar o mercado. Se for vender em uma loja física, faça uma pesquisa de mercado para identificar a demanda da região em que pretende atuar, para escolher peças que supram essa demanda e tenham bom índice de vendas.

Como escolher fornecedores de roupas para revender?

É muito importante que o revendedor faça um trabalho de pesquisa de fornecedores de roupas para revender. Assim, conseguirá encontrar um que ofereça produtos de qualidade a um melhor preço, aumentando sua margem de lucro.

Mas, onde encontrar esses fornecedores? Os melhores lugares para comprar roupas baratas para revender são grandes polos têxteis e comerciais de sua cidade. Faça uma visita a lojas ou entre em contato online para verificar como funciona o fornecimento.

Publicidade


Publicidade


Se possível, verifique as peças pessoalmente para conferir detalhes de qualidade e acabamento. Quanto melhor for a qualidade das peças, maiores são as chances de venda e de satisfação dos clientes.

Escolha como revenderá as roupas

Existem diferentes formas de revender roupas, sendo a mais tradicional delas em lojas físicas. Mas, tenha em mente que essa opção normalmente costuma ter um custo elevado de manutenção da loja, com pagamento de aluguel, IPTU e eventuais taxas extras.

Publicidade

Outra opção é vender online e há vários canais que podem ser utilizados. Dá, por exemplo, para criar uma loja online própria, que exige um pouco mais de investimento, mas conta com o diferencial de todo o valor da venda ser revertido para seu negócio.

Publicidade

Há, ainda, a opção de criar lojas em marketplaces, como o Magazine Luiza e a Amazon. Esse é um processo muito mais simples e ter lojas em marketplaces ajuda a atrair mais clientes sem fazer um investimento robusto em um e-commerce próprio.

No entanto, é importante considerar que o marketplace cobra uma taxa de cada venda realizada. Para não sair no prejuízo e manter sua margem de lucro, você pode repassar essa taxa para o consumidor, mas se lembre que isso aumentará o preço final.

Outra opção é vender por redes sociais, utilizando o Instagram ou Facebook, por exemplo. Ambos oferecem recursos para comerciantes, possibilitando realizar vendas de maneira rápida e descomplicada.

Como funciona o lucro da revenda de roupas?

A princípio, é essencial esclarecer o que é lucro. Trata-se de um valor recebido de uma venda depois da subtração de gastos de aquisição, fabricação, entre outros.

Para ter uma boa lucratividade, o empreendedor deve, entre outras medidas, encontrar fornecedores de qualidade a um melhor custo e reduzir suas despesas.

Além disso, é preciso saber precificar seu produto corretamente. Normalmente, considera-se os custos com o produto e se aplica uma margem de lucro que varia de 100% a 200%.

Mas, isso não é uma regra! O ideal é que o empreendedor considere os custos que tem e aplique a margem de lucro que melhor atende suas necessidades e mantenha a competitividade do preço de seus produtos.

Tenha uma estratégia de divulgação de seu negócio

Ter uma estratégia de divulgação de seu negócio é fundamental para conseguir vender mais e captar mais clientes, o que ajudará sua empresa a se manter de maneira sustentável.

Publicidade

O ideal é utilizar redes sociais para divulgar seu negócio e produtos, alternativa que é muito mais econômica do que investir em marketing offline (em rádio, televisão e mídia impressa).

Crie perfis em redes sociais e divulgue seus produtos, bem como processos de sua empresa na venda, informando como funciona a entrega, por exemplo.

Publicidade

Se tiver um orçamento um pouco maior, considere investir em anúncios nas redes sociais, o que possibilitará alcançar mais pessoas.

Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário