Mercado Livre passa a aceitar Pix como forma de pagamento

Após cinco meses de lançamento do novo sistema de transações financeiras brasileiro, desde a última terça-feira (13 de abril) o Mercado Livre passou a aceitar o Pix como uma das opções de pagamento da plataforma.

O sistema instantâneo de transações financeiras do Banco Central se tornou uma das formas de pagamento mais utilizadas no Brasil.

A possibilidade de poder usá-lo em qualquer momento do dia, inclusive em fins de semana e feriado, e de forma gratuita conquistou os clientes. Sendo assim, cada vez mais empresas vem adotando o método entre suas opções convencionais de pagamentos como cartões e boletos bancários.

A expectativa, aliás, é que com o passar do tempo o formato substitua os pagamentos feitos por boleto. Com isso, o processo de compra é agilizado visto que não há a necessidade de aguardar até três dias para a confirmação de recebimento por parte do vendedor.

“A liberação do dinheiro ocorre de forma rápida para o vendedor, que ganha mais eficiência no fluxo de caixa e no controle de estoque”, declarou a diretora de marketplace do Mercado Livre, Roberta Donato.

A princípio a plataforma oferece apenas um caminho para o usuário que decidir utilizar o Pix para suas compras. No caso, é necessário acessar o marketplace por meio do site ou do aplicativo do Mercado Livre, selecionar o produto que deseja e realizar a compra por meio do botão “Comprar agora”.

Sendo assim, ainda não é possível pagar com essa opção caso o usuário feche seus pedidos direto pelo carrinho de compras, por exemplo. Apesar disso, Roberta garante que isso é temporário e que em breve a plataforma adicionara o Pix em seus outros caminhos de finalização de compras.

Veja também

Como utilizar o Pix no ML

Para quem tiver dúvidas sobre como realizar o pagamento com Pix tanto no site quanto no aplicativo do Mercado Livre, basta acompanhar os tutoriais a seguir:

Pagamento com Pix no aplicativo do ML

  1. Após fazer login no aplicativo do Mercado Livre, selecione o produto de interesse e clique no botão “Comprar Agora”;
  2. Na tela seguinte selecione o tipo de frete para a entrega da sua encomenda, e na próxima, referente a preferência de pagamento, clique em “Com outros meios de pagamento”, selecione a opção Pix e confirme a compra;
  3. Um código seja gerado para essa compra. Esse código deve ser copiado e colado na opção Pix no aplicativo da sua instituição bancária;
  4. Confira as informações de valor da compra e confirme o pagamento.

Pagamento com Pix no site do ML

  1. Acesse o site do Mercado Livre, faça login em sua conta e selecione o produto de interesse;
  2. Clique no botão “Comprar agora” e na tela seguinte selecione o tipo de envio da sua mercadoria;
  3. Na página de formas de pagamento você deve rolar a tela até o final e na opção “Com outros meios de pagamento” selecionar a opção Pix;
  4. Agora, revise os dados da sua compra e confirme o seu pagamento;
  5. Ao confirmar a sua compra, um QR Code será gerado na tela do seu computador. Você deve acessar a opção Pix no aplicativo de celular do seu banco, selecionar a opção de pagamento com QR Code e escanear o código da tela;
  6. Feito isso, basta confirmar a compra direto no seu celular e pronto, o pagamento para o Mercado Livre foi feito.

Chegada do Pix ao Mercado Livre marca o aumento do uso do sistema por outros e-commerces

Apesar de o Pix garantir uma considerável economia em transações bancárias para empresas, algumas ainda apresentam certa desconfiança em relação a ele. Esse receio deve diminuir gradativamente com a aceitação do sistema por grandes e-commerce como é o caso do Mercado Livre.

Para o diretor de Pagamentos Online do Mercado Pago, Daniel Davanço, o fato do maior marketplace do país iniciar as operações com Pix em seu sistema, marca o aumento da popularidade do método para a realização de compras.

“Temos observado um crescimento progressivo na adesão do Pix no e-commerce, com avanço de 20% no volume de vendas a cada semana e uma conversão de vendas, quando comparado ao boleto, 14%. maior entre os nossos clientes, daqueles que estão fora da plataforma Mercado Livre”, afirmou o diretor.

Um dos motivos para que a confiança tanto de empresas quando de clientes aumente são todos os protocolos de segurança do sistema.

No Mercado Livre, além das diretrizes de confiabilidade do próprio Banco Central, a plataforma usa criptografia de todos os pagamentos feitos com o Pix. Esses dados são todos autenticados e verificados pelo sistema antifraude do Mercado Pago para garantir a preservação de clientes e vendedores.

Além de tudo isso, o shopping digital também tem um programa de Compra Garantida, que estorna o dinheiro ao cliente em caso de problemas com a mercadoria a ser recebida.

Veja também: Vender no Mercado Livre com CPF ou CNPJ? Vantagens e desvantagens

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário