As 5 lojas que mais lucraram com vendas online em 2020

A crise que atingiu o mundo em 2020 teve grande influência no lucro de praticamente todas as empresas. Porém, ao contrário do que se pode pensar, nem todas sofreram com uma influência ruim. Na verdade, hoje você vai descobrir quais foram as lojas que mais lucraram vendendo online em 2020, mesmo com a crise em alta.

As lojas online se tornaram protagonistas na vida de muitas pessoas que deixaram de sair de casa por causa do medo. Sendo assim, várias compras cotidianas que eram feitas em estabelecimentos físicos, passaram a acontecer pelos meios digitais.

Com isso, inúmeras lojas online viram seus lucros aumentarem de maneira expressiva contrariando as expectativas de vários especialistas que apostavam no declínio das vendas por causa da crise financeira.

lojas que mais lucraram 2020

A seguir você acompanha a lista com as lojas que mais lucraram com vendas online até agora em 2020.

1. Mercado Livre

O Mercado Livre é o maior marketplace do Brasil e foi uma das empresas que mais lucrou com vendas online em 2020 até agora. Recentemente seu CEO deu uma declaração onde alegou que desde o início da pandemia, a empresa tem vendido diariamente em volumes comparados ao período de Black Friday.

As evidências de que o Mercado Livre tem sido uma das lojas que mais lucraram em 2020 foi evidenciado por uma pesquisa do Bradesco divulgada em julho, onde se estima que o shopping online deve aumentar suas vendas gerais em 4 bilhões de reais até o final desse trimestre.

Lembrando que o ML é composto por várias lojas de grandes e micro empreendedores, então se você quiser aprender como vender no Mercado Livre, dê uma olhada no nosso guia de como vender no Mercado Livre aqui.

2. Amazon

Amazon

A maior concorrente do Mercado Livre também viu seus lucros alcançarem patamares gigantescos durante a pandemia. Só nos EUA, a empresa sofreu uma valorização de 70% no ano.

Aqui no Brasil, a empresa ficou tão satisfeita com os lucros obtidos em 2020, que decidiu trazer para o país seu maior evento de descontos do ano, o Amazon Prime Day. O acontecimento, que precisou ser adiado por causa da pandemia, será realizado nos dias 13 e 14 de outubro e promete fazer com que as vendas da empresa aumentem ainda mais.

3. Dafiti

Dafiti

A Dafiti é um e-commerce especializado em moda e só no segundo semestre desse ano, a empresa cresceu o equivalente a 27% em comparação com o ano anterior. Isso fez da empresa a maior varejista de moda online do país.

Com promoções convidativas e um potente investimento no marketing em redes sociais, a empresa viu suas vendas crescerem em um período onde os especialistas afirmavam que a atenção das pessoas por roupas e calçados não seria priorizada.

O Dafiti Group opera no Brasil, Argentina, Colômbia e Chile, e segundo o relatório trimestral divulgado por eles, o aumento de vendas e clientes foi percebido em todos os quatro países.

4. Evino

Evino

Os apaixonados por vinho foram os responsáveis por fazer com que o Evino aumentasse 72% das suas vendas somente no primeiro trimestre desse ano. Isso transformou a varejista de bebidas, na loja de bebidas mais lucrativa da internet em 2020.

E as previsões de crescimento ainda são altas até o final do ano, isso graças a aproximação da Black Friday e do Natal, épocas em que anualmente as vendas tendem aumentar muito.

5. Magazine Luiza

Magazine Você

A admiração pelas ações realizadas pelo Magazine Luiza durante a pandemia, fez com que as vendas no aplicativo ‘Magalu’ explodissem em 2020. Desde o projeto em parceria com o Sebrae para ajudar o pequeno negociante, até o programa de trainee da empresa focado no público negro, fizeram com que o Magazine Luiza ganhasse admiradores e clientes do Brasil todo.

Claro que os preços e promoções realizadas pelo grupo tiveram grande influência sobre esse aumento, mas é inegável que, atualmente, o Magalu é uma das marcas mais amadas pelos brasileiros.

Esse amor todo só prova que sim, o trabalho de branding das empresas é essencial para tornar as empresas ainda mais lucrativas.

E se você quiser se tornar um parceiro do Magazine Luiza, veja o artigo Magazine Você: como fazer cadastro e usar para obter renda extra.

Essa é a lista das 5 lojas que mais lucraram na internet em 2020. Além das lojas, para quem estiver curioso, os produtos mais comprados até o momento de forma online foram:

  1. Vestuário
  2. Livros
  3. Acessórios
  4. Eletrodomésticos
  5. Celulares
  6. Calçados
  7. Informática
  8. Jogos de video-game
  9. Comida e Bebida
  10. Cosméticos

E você, fez alguma compra em uma das lojas online que mais lucraram esse ano?

Veja também:

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário