Franquia de chopp “Quiosque do Lugui” é opção para investir no setor

O amor do brasileiro pela cerveja e o chopp vem de longa data, por isso é de se pensar que investir em um negócio nesse setor é bastante lucrativo. A franquia de chopp Quiosque do Lugui é uma das opções para o empreendedor que deseja iniciar no mercado franchising no setor de cervejaria.

Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria da Cerveja, o segmento de cervejas e chopps, é responsável por 1,6% do PIB nacional, ultrapassando os R$100 bilhões em faturamento anual. Dessa forma, fica ainda mais claro o quão lucrativo um negócio assim pode ser.

O investimento em franquias tem sido um dos mais escolhidos tanto por empreendedores com experiência no mercado, quanto para os novos. Isso se dá pelo fato de o modelo de franquia já entregar um negócio pronto para o investidor. Dessa forma, não é necessário ter toda a preocupação com o planejamento de uma empresa do zero.

Publicidade

Diversas pessoas acreditam que esse formato é mais confiável, e até mesmo mais lucrativo do que apostar em uma marca própria. Além disso, as franquias oferecem modelos de negócio diferenciados, que podem ser escolhidos dependendo do objetivo, como é o caso dos quiosques.



As franquias em formato de quiosque costumam ser mais baratas que as de formato loja completa. O Quiosque do Lugui, por exemplo, pode ser uma bela aposta nesse modelo. Falamos mais sobre ele nos tópicos a seguir.

Como funciona a franquia de chopp Quiosque do Lugui

O Quiosque do Lugui é um negócio com o objetivo de atender clientes que prezem por qualidade na hora de apreciar o seu chopp.

A empresa tem fabricação própria de seu principal produto, o Chopp Lug’s Puro Malte que possui cremosidade, sabor, cor e aroma incomparável, segundo a marca.

Publicidade


Publicidade


Além do puro malte, o estabelecimento também comercializa seu chopp Weiss, chopp de vinho e também uma versão IPA. Além desses, também há a cerveja IPA da marca no cardápio.

A franquia também é a única do Brasil a possuir chopeiras Ice Beer Special, uma máquina de chopp completamente congelada, que mantém extremamente baixa a temperatura da bebida. A máquina foi desenvolvida especialmente para atender a marca Quiosque do Lugui.

Publicidade

O maior diferencial do Quiosque do Lugui para outras franquias de chopp, é que aqui o conceito é o de oferecer chopp em dobro para o cliente a qualquer hora do dia. Para isso, a empresa fornece ao estabelecimento dois barris da bebida pelo preço de um.

Publicidade

Além do principal atrativo do ponto comercial (o chopp), o cardápio da franquia também conta com opções de comidas para harmonizar com a bebida. No caso, a aposta da marca é oferecer as conhecidas porções de boteco, com um toque de requinte ao acrescentar algumas opções de petiscos importados.

Leia também

Investimento em um Quiosque do Lugui

franquia de choperia

Segundo a empresa, a implantação de uma franquia de chopp Quiosque do Lugui é fácil, o negócio é simples de ser gerido e a empresa conta com convênios com diversos pontos comerciais que podem ser a “casa” da nova unidade.

A estrutura do estabelecimento, apesar de simples, é extremamente requintada, moderna e de alto padrão, servindo como mais um atrativo aos clientes e se mesclando muito bem com qualquer tipo de local de instalação.

Os dados de investimento na franquia são os seguintes:

  • Investimento inicial a partir de R$150 mil;
  • Faturamento anual de até R$600 mil;
  • Retorno em até 12 meses;
  • Taxa de franquia subsidiada por bonificação de produtos;
  • Lucratividade de 18% a 22%.

Aos interessados em se tornar franqueados da marca, o processo deve ser iniciado a partir do preenchimento do formulário de interesse. O mesmo pode ser encontrado no site da empresa.

Após o envio, é necessário aguardar o contato de um dos representantes da marca, que irá dar todas as informações sobre o processo.

Com o mercado financeiro se recuperando aos poucos, e com a iminente retomada dos negócios, é importante que o empreendedor encontre boas opções para investir no reaquecimento dos setores. Em breve as pessoas poderão voltar a usufruir normalmente de suas atividades de entretenimento e com certeza quem vender um bom chopp será muito bem recompensado.

Publicidade

Veja também: Como vender cerveja artesanal? Passo a passo para vender legalmente

Publicidade

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário