EcoÁlcool nos perfumes da O Boticário – Saiba como funciona

Todos os anos o Boticário investe em inovações que façam com que seus produtos atinjam níveis ainda maiores de qualidade. A mais recente novidade da empresa é o uso do EcoÁlcool em todos os perfumes do Boticário, substituindo o álcool comum.

O motivo do desenvolvimento do novo insumo está ligado ao objetivo da marca em ser mais sustentável. Com isso, 100% de sua produção do setor de perfumaria desde janeiro desse ano, já contem o álcool ecológico em sua composição.

A tecnologia responsável por desenvolver o etanol sustentável foi criada pela Raízen, gigante brasileira da produção e distribuição de combustíveis e energia.

A criação do álcool ecológico se deu com o objetivo de lançar mais uma alternativa de combustível renovável no mercado. A ideia da empresa ainda é essa, porém percebeu que o insumo mais sustentável também poderia ser aplicado em outros setores da indústria.



ecoalcool boticário

Veja também:

O Grupo Boticário foi o primeiro do Brasil a adotar o EcoÁlcool como composição para seus produtos. A princípio o insumo foi utilizado apenas na linha Nativa SPA, que já foi criada com o conceito de ecologia e sustentabilidade. No entanto, percebendo que a adoção do insumo foi positiva, a empresa decidiu por aplicar a matéria-prima em todos os seus produtos.

Assim como o álcool comum, o EcoÁlcool utilizado pelo Boticário, também é produzido a partir da cana-de-açúcar. Apesar disso, a forma de uso da cana é  diferente, visto que no caso do álcool ecológico é utilizado  todo o bagaço da planta. Na produção tradicional esse bagaço seria queimado ou simplesmente jogados fora.

Com o aproveitamento total da cana, o volume e frequência das plantações diminui, preservando o solo e dando o tempo necessário para a recuperação.




Publicidade


Além disso, com menos plantações são feitas menos colheitas também, o que reduz a quantidade de água e fertilizantes utilizados durante a prática.

Perfumes feitos com fórmulas alternativas

Apesar de o Boticário ser a primeira empresa de cosméticos no Brasil a adotar o uso de EcoÁlcool em suas fórmulas, outras grandes marcas de perfumaria também tem se esforçado para tornar suas produções mais sustentáveis. Veja a seguir alguns exemplos.

Coty

A Coty, maior desenvolvedora mundial de perfumes, por exemplo, anunciou no início do mês de março que também irá apostar em um tipo de álcool alternativo. No caso, a empresa irá utilizar emissões de carbono industrial para o desenvolvimento do etanol utilizado em seus cosméticos.



A princípio, a empresa responsável por perfumes das marcas Dolce e Gabbana  e Gucci, irá aplicar a nova matéria-prima apenas em algumas linhas. No entanto, a ideia é que até 2023 todos os perfumes da marca tenham substituído o álcool normal pelo mais sustentável.

Clean

Outra marca de perfumaria que já nasceu com a sustentabilidade como preocupação principal, é a Clean. A empresa americana tem como objetivo a criação de cosméticos que tenham o menor impacto negativo possível no meio ambiente.

Para cumprir com suas próprias metal, a Clean aposta em álcool feito a base de milho, além de só utilizar insumos certificadamente sustentáveis. Além disso, toda a sua produção é realizada com o uso de energia solar.

Para além disso, a marca utiliza embalagens 100% recicladas e recicláveis, onde até mesmo os escritos são feitos a base d’água, sem toxinas prejudiciais ao ambiente.

Natura

Reconhecida mundialmente como uma empresa que presa pelos pilares da sustentabilidade, a Natura é mais um exemplo de empresa de beleza que utiliza fórmulas ecologicamente corretas em seus perfumes.

A começar pelo álcool utilizado em suas fragrâncias, desde 2007 a empresa utiliza a versão orgânica do insumo. Com isso, segundo a marca, sua fornecedora (Native) ajuda na regeneração de 23 mil hectares de solo por ano.

As embalagens da Natura também são sustentáveis, sendo cada frasco de perfume da marca composto por até 30% de vidro reciclado. Isso equivale a menos 1 milhão de garrafas de vidro de um litro, descartadas na natureza por ano. Além disso, a empresa trabalha com os refis de produtos desde 1983, que são feitos de plástico 100% reciclados.

Veja também: Natura é a empresa com a melhor reputação corporativa do Brasil

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário