DASN-SIMEI: Entenda o que é e como fazer a declaração

O DASN-SIMEI é um procedimento obrigatório para todos os Microempreendedores Individuais – MEI. O DASN é uma sigla para Declaração Anual do Simples Nacional, também conhecida como Declaração Anual de Faturamento!

Para saber mais sobre o procedimento obrigatório, acompanhe! Em seguida iremos explicar o que é e como você pode fazê-lo. 

dasn simei

DASN-SIMEI o que é

Como dito anteriormente, o DASN-SIMEI é a declaração anual obrigatória do MEI. O objetivo dessa declaração é para informar o faturamento do ano anterior, além de informar também se houve alguma contratação de empregados.

Publicidade

O recomendado é que o microempreendedor tenha um relatório durante o ano para melhor controle do faturamento durante o período do ano, o que facilita a declaração.



Geralmente, a declaração do faturamento do último ano-calendário precisa ser entregue até o último dia do mês de maio. 

Você realiza a entrega de forma gratuita e pela internet. Com as informações contidas no documento, o governo analisa a regularidade do negócio de acordo com o cenário empreendedor do país, se o limite de faturamento não foi ultrapassado. 

Se a entrega do documento for feita em atraso, você deverá pagar uma multa, no valor mínimo de R$ 50,00, ou de 2% ao mês-calendário ou fração.

Publicidade


Publicidade


Como fazer a DASN-SIMEI

A Declaração Anual de Faturamento do MEI é feita diretamente pelo site da Receita Federal, e o seu processo é simples e rápido.

Você pode fazer um relatório das receitas obtidas a cada mês, conferindo se o valor das notas fiscais emitidas foi anotado corretamente, tenha em mãos o valor total faturado com a empresa no ano anterior. 

Publicidade

Para saber o valor total você pode consultar os mesmos em suas notas fiscais emitidas.

Publicidade

Após ter o valor em mão, acesse o site da Receita Federal e digite o seu CNPJ, preencha os dados solicitados. Se sua empresa teve receitas por meio de atividades de indústria, comércio e serviço do transporte intermunicipal e interestadual, você deve inserir a informação. Caso esse não seja o caso, pode deixar com zero. 

Além disso, informa se a sua empresa contratou um funcionário no último ano-calendário. 

Com todos os dados preenchidos, você terá acesso ao resumo da declaração anual do MEI, verifique todos os valores, e para efetivar a entrega, clique no botão “Transmitir”. Se aparecer a mensagem “Sua declaração foi transmitida com sucesso!”, ela já foi enviada para a Receita Federal. Por fim, imprima ou salve o recibo.

É importante ficar atento às datas de envio, já que o atraso ou não comprimento das regras acarretam em multas.

Deixe seu comentário