Diferença de crédito e microcrédito: qual o melhor para sua empresa?

Precisar de empréstimo faz parte da vida de qualquer empreendedor, seja ele de pequeno ou grande porte. Mas você sabe qual a diferença entre crédito e microcrédito e qual deles solicitar para a sua empresa?

Seja para tirar um negócio do papel, ou para uso como capital de giro, são raros os empreendimentos que nunca precisaram de financiamento bancário. Dessa forma, praticamente todas as instituições financeiras têm linhas de crédito específicas para atender pessoas jurídicas.

Apesar disso, é importante que o empreendedor tenha consciência de que a liberação de valores irá depender do porte da sua empresa, assim como de possíveis garantias e histórico financeiro do negócio ou empreendedor. É justamente nesse ponto que surge a necessidade de entender o que é crédito e o que é microcrédito.

Publicidade

Dessa forma, fique atento nos próximos tópicos e esclareça qualquer dúvida que você possa ter em relação a esses termos.



Veja também

O que é o crédito para empresas?

crédito e microcrédito

O crédito empresarial pode ser definido como um tipo de empréstimo por linhas especiais dos bancos ou financeiras, destinadas a financiar o capital de giro da empresa, expansão, compra de bens, entre outras coisas.

Esse tipo de crédito costuma não ter valores muito definidos, dessa forma o montante liberado depende tanto do pedido do empresário, quanto da análise da instituição e pode ser de valor milionários a depender de cada caso.

Publicidade


Publicidade


Apesar de ser destinado especificamente para pessoas jurídicas, conseguir uma linha de crédito dessas nem sempre é tarefa fácil, especialmente para os negócios de pequeno porte.

Isso porque, a incidência de taxas de juros pode ser incompatível com o faturamento médio do negócio, o que faz com que as instituições financeiras não tenham confiança em disponibilizar o montante para o pequeno empreendedor.

Publicidade

Sendo assim, pode-se dizer que a solicitação de crédito convencional é mais indicada para empresas de médio a grande porte ou que necessitam de valores altos.

Publicidade

O que é o microcrédito?

O microcrédito é um modelo de empréstimo de menor valor do que poderia ser solicitado em um empréstimo convencional, e destinado a pessoas jurídicas de micro a médio porte, incluindo os microempreendedores individuais. Esse tipo de crédito surgiu como uma opção para os empreendedores que não tem fácil acesso aos empréstimos empresariais comuns.

Com o microcrédito o pequeno empreendedor consegue emprestar valores que variam de algumas centenas de reais até montantes que chegam a casa dos R$ 20 mil.

Essas linhas de crédito especiais também são oferecidas por bancos, fintechs e outras instituições financeiras e para ter acesso a elas é necessário se encaixar nas regras definidas pelo BNDES.

No caso, é preciso ser pessoa jurídica (inclusive MEI) com receita anual bruta de até R$ 360 mil. Além disso, o valor emprestado deve ter destino certo e especificado no momento da contratação de crédito.

Dessa forma, é possível contratar o microcrédito para utilização como capital de giro, aquisição de equipamentos, matéria-prima e outros investimentos diretos no negócio.

Principais diferenças entre crédito e microcrédito para empresa

Agora que você já entendeu como cada modelo funciona, vamos as principais diferenças entre eles.

Taxas de Juros

A questão das taxas de juros cobradas pelas instituições é bastante diferente entre as modalidades.

Enquanto no crédito convencional as instituições têm mais liberdade para estipular as taxas de juros cobradas sobre o valor de empréstimo, atualmente podendo chegar a quase 10% ao mês em alguns bancos (segundo dados do Banco Central), o microcrédito possui taxas limitadas pelo BNDES.

Publicidade

No caso dos microempreendedores individuais, por exemplo, a lei garante que os juros cobrados dessas pessoas jurídicas não ultrapassem 4% ao mês.

Porte da empresa definido – Crédito e microcrédito

Apesar de ser mais difícil conseguir, nada impede que um microempreendedor individual solicite um crédito convencional para financiar o seu negócio.

Publicidade

Isso já não é permitido no caso do microcrédito que, como já vimos, tem limitação de solicitação para empresas que faturem até R$ 360 mil anualmente.

Nem todo banco oferece a opção de microcrédito

O oferecimento de microcrédito não é obrigatório por parte dos bancos. Dessa forma, diferente do crédito empresarial convencional, o empreendedor interessado precisa pesquisar quais as instituições que oferecem a modalidade.

Montante para empréstimo – Crédito e microcrédito

Enquanto no crédito convencional o empresário pode conseguir aportes milionários em empréstimos (caso sua avaliação de perfil financeiro permita), com o microcrédito os valores são limitados.

O mais comum é que na modalidade micro os empréstimos vão de R$ 200 até pouco mais de R$ 20 mil.

Como você pode ver, o que irá definir se é melhor solicitar um crédito ou microcrédito para o seu negócio, será basicamente o porte da empresa e o valor para atender a sua necessidade.

A principal dica, independente do modelo é pesquisar bem as taxas de juros praticadas pelas instituições e os benefícios oferecidos por cada uma. Apenas assim você terá certeza que contratou a melhor opção.

Veja também: Taxas do Cartão de Crédito – Entenda a sua fatura

Publicidade

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário