Como vender empadinhas? Dicas para começar o seu negócio

Se existe um segmento que sempre está em alta no mercado é o do comércio de alimentos, então se você pensa em abrir um negócio esse ramo é quase certeiro. E como o Brasil tem diversas opções de comidas populares, o que não falta é opção para investir. Neste texto, nós vamos conferir como vender empadinhas.

Se você souber se organizar e planejar o seu negócio, as chances de ele dar errado são pequenas. Afinal, as empadinhas fazem muito sucesso entre os brasileiros, e são alimentos de baixo investimento inicial.

A seguir, vamos conhecer dicas sobre como fazer empadinhas para vender, para te auxiliar a entrar neste setor movimentado no país.

vender empadinhas

Como começar a vender empadinhas?

Primeiro você precisa decidir qual o local que pretende vender suas empadinhas. Dependendo do capital de investimento inicial, você pode abrir um comércio fixo para vendas, se estiver disposto a arcar com o aluguel do ponto.

Mas se preferir ou tiver um ponto próprio, também pode adquirir uma barraquinha/carrinho para vender em um local fixo. De qualquer forma, a escolha do local para as vendas será decisivo para a procura pelo seu negócio. Afinal, pontos com maior fluxo de pessoas costumam vender mais.

Por isso, procure centros comerciais, saídas de faculdades, parques etc., pois estes costumam ser lugares com grande movimentação de pessoas.

Outra questão para se atentar é referente às normas legais de sua cidade. Por isso, se informe sobre a necessidade de alvarás de permissão para vendas para evitar problemas futuros e também transmitir credibilidade aos clientes.

Sobre o cardápio do seu negócio, além da empadinha você pode optar pela venda de bebidas para o acompanhamento da refeição, pois isso pode ajudar a aumentar as vendas. Além disso, você pode também montar combos promocionais, por exemplo.

Se você não souber como fazer empadinhas na internet existem várias receitas te mostrando o passo a passo para preparo. Um exemplo disso é este texto do site “Guia da Cozinha” com 13 receitas de empadinhas.

Você também vai precisar decidir quais os sabores dos recheios das empadinhas que irá vender. Para isso, pesquise quais sabores costumam ser os favoritos do público e comece com os mais tradicionais. Com o passar do tempo, você poderá adicionar mais sabores dependendo do fluxo de vendas e procura.

Depois de decidir o cardápio, você deverá pesquisar onde há maior custo beneficio para adquirir os ingredientes. E atenção: compre ingrediente de qualidade para fazer uma boa empadinha, tomando cuidado com produtos baratos demais.

Planeje o seu negócio com cuidado

Defina um valor inicial a ser gasto com o investimento para montar seu negócio. Para isso, faça uma lista de quais os itens serão necessários para começar as vendas e pesquisas antes de comprar qualquer produto.

Procure os ingredientes em mercados que vendam no atacado, onde você pode conseguir maior desconto. Além disso, pesquise também por embalagens de qualidade, comparando os preços entre casas de embalagens e o mercado online.

Separe um dinheiro para ser investido na sua marca, pois é importante criar um nome para sua empresa e uma logo que a represente. Crie páginas nas redes sociais para oferecer seu produto, fazendo promoções, combos e mantendo fotos bem produzidas de suas empadinhas para mexer com a vontade das pessoas.

Outra questão fundamental é ter um diferencial para fidelizar seus clientes a comprarem apenas com você esse. Uma boa dica é fazer um cartão fidelidade, com o qual acima de tantas compras o cliente ganhe algo, pois isso faz com que ele compre sempre no mesmo lugar.

Capriche nas empadinhas, e mostre-se preocupado com a higiene do produto, usando sempre toucas e luvas. Além disso, seu local de vendas também deve passar uma boa impressão de organização e limpeza, que são fundamentais para atrair os clientes no ramo alimentício.

Inove sempre

Além de ouvir os clientes e incluir recheios novos nas empadas, você pode oferecer encomendas de empadinhas congeladas para seus clientes com desconto, por exemplo. Pode inclusive vender em outros comércios suas empadas congeladas, para que os estabelecimentos possam realizar a revenda do seu produto.

Esteja sempre pesquisando novas ideias para aprimorar seu negócio, pois tudo a nossa volta muda constantemente. Por isso, permita-se aprimorar sua técnicas. Faça cursos na área de culinária ou até mesmo em setores como marketing ou administração.

Só não fique parado, busque sempre estar um passo a frente da concorrência para que você possa se destacar no seu ramo de atuação.

Felipe Matozo
Estudante de Jornalismo no Centro Universitário Internacional Uninter e ator profissional licenciado pelo SATED/PR. Ligado em questões políticas e sociais, busca na arte e na comunicação maneiras de lidar com o incômodo mundo fora da caverna.

Deixe seu comentário