Como negociar dívida com a Natura

Revendedoras Natura com débito em aberto pode negociar sua dívida de diferentes formas, regularizando sua situação e voltando a vender produtos da marca. Aqui, indicamos quais são as alternativas para negociação de débito. Confira!

Consulta pontos Natura

Como negociar débito vencido Natura

Toda revendedora que tiver débito vencido com a Natura pode negociá-lo diretamente com a empresa, de acordo com o período em que está inadimplente. Se não for muito, a consultora consegue negociar por:

Telefone

Neste caso, faça uma chamada para o número 0800 762 8872 (ligação gratuita se feita a partir de um telefone fixo). Tenha em mãos informações como seu CPF e seu código Natura para agilizar o atendimento.

Publicidade

Confira também:
Como cancelar cadastro de revendedora Natura



Site e aplicativo Consultoria

Outra possibilidade de negociação é pelo site Natura ou aplicativo Consultoria, que é disponibilizado gratuitamente para todas as revendedoras. Para fazer um acordo sobre a dívida, basta seguir este passo a passo:

  1. Acesse o site para consultoras Natura ou o aplicativo Consultoria;
  2. Informe seu login e senha;
  3. Clique em “entrar” e selecione “cobrança e títulos”;
  4. Indique qual débito vencido deseja pagar e clique em “prosseguir”;
  5. Escolha o número de parcelas que quer pagar e qual a melhor data de vencimento;
  6. Confira os detalhes da negociação e confirme;
  7. Emita o boleto para pagamento.

Caso haja mais de uma dívida em aberto, a empresa junta todas para negociação, na qual a revendedora pode escolher entre pagar à vista ou parcelado. Mas, atenção: ao optar pelo parcelamento há incidência de juros no valor mensal.

Empresas de cobrança parceiras

Esta opção é válida para revendedoras que estão com débito vencido há mais tempo. Neste caso, deve-se entrar em contato com empresas de cobrança parceiras da Natura, como o Grupo Recovery, Serasa e Blu365.

Publicidade


Publicidade


O ideal é fazer negociações e cotações com mais de uma empresa, para verificar se alguma delas oferece condições de pagamento mais atrativa. Para negociação, siga este passo a passo:

  1. Acesse o site da empresa de cobrança parceira;
  2. Selecione a opção de negociação de débitos;
  3. Informe seu CPF e número de celular. Dependendo da empresa, é obrigatório realizar um cadastro gratuito;
  4. Verifique quais são as alternativas de acordos e escolha a que melhor se adequar ao seu perfil;
  5. Gere o boleto para pagamento.

Onde pagar boleto de negociação Natura?

O boleto da negociação pode ser pago em bancos e lotéricas. Inclusive, dá para utilizar canais digitais para pagamento, como o internet banking ou aplicativo do banco em que possui conta.

Publicidade

Se optar por essas duas últimas alternativas, basta copiar o código de barras e informá-lo no menu de pagamentos, tendo maior praticidade para quitar a dívida e regularizar sua situação.

Publicidade

Um detalhe importante: tente pagar o boleto de negociação dentro do prazo indicado no documento, para não perder o acordo. Quando deixa de pagá-lo no prazo, o valor da dívida continua crescendo, portanto, se fizer um novo acordo o total a ser pago é maior.

Caso não consiga efetuar o pagamento no prazo, entre em contato novamente com a Natura ou com a empresa parceira para renegociar a dívida e fazer um novo acordo.

O que acontece com revendedoras Natura inadimplentes?

A princípio, existem três problemas principais de ter dívida em aberto com a Natura. Um deles é o bloqueio do envio de pedidos até que a revendedora regularize a situação.

Ou seja, se alguma cliente fizer um pedido, não conseguirá encaminhá-lo para a Natura porque estará com seu cadastro temporariamente bloqueado. Para voltar a vender, basta quitar a dívida.

O segundo problema dessa lista é o crescimento da dívida com a Natura, uma vez que sobre o valor em aberto há incidência de juros e multas, o que pode aumentar significativamente o total a ser pago.

Há, ainda, a possibilidade de ficar com o nome sujo, dependendo do tempo da dívida. Normalmente, empresas costumam dar um prazo antes da inclusão do nome / CPF da pessoa em órgãos de proteção ao crédito, cerca de três meses.

Neste período, a empresa tenta fazer uma negociação amigável da dívida. Quando não consegue fechar um acordo, há o encaminhamento do CPF para órgãos de proteção ao crédito como o Serasa. Mesmo assim, a empresa precisa notificar o devedor antes de fazer a inclusão, para dar um tempo para que tente pagar a dívida.

Publicidade

Flavio Carvalho
Gestor de Projetos e Pessoas da WebGo Content. Especialista em SEO e novos Projetos. Formado em Relações Públicas (PUC/PR) e experiência de mais de 10 anos no Marketing Digital.

Deixe seu comentário