Como fazer doces de pote para vender – Dicas, investimento e como lucrar

Os doces de pote se tornaram uma paixão nacional e hoje podem ser encontrados em praticamente todas as regiões do país e em várias versões. Fazer doce de pote é uma maneira bastante prática e lucrativa de iniciar um negócio de alimentos com grande demanda.

Os doces de pote ganharam evidência há alguns anos com a ascensão dos bolos de pote. Em seguida, as quituteiras começaram a vender praticamente todo tipo de doce nesse formato, o que só fez crescer a popularidade desses alimentos que já fazem parte do cotidiano das pessoas.

Aliás, esses foram um dos alimentos que mais tiveram alta de demanda no período de pandemia.

Publicidade

As vantagens de se fazer doces do pote é que as porções podem ser perfeitamente controláveis pelo negociante, além de as embalagens dos produtos já oferecerem toda a proteção e aparência chamativa necessária para as mercadorias quase se vendam sozinhas. Afinal de contas, quem resiste a ver as camadas de doce como na imagem abaixo, e não comprar para experimentar, não é mesmo?



fazer doce de pote

Então, se você está pensando em começar um negócio para fazer doces no pote, veja as dicas que nós temos para te dar a seguir.

Tipos de doces no pote

Ao decidir iniciar o seu negócio, uma das primeiras coisas que você precisará decidir é com quais tipos de doces irá trabalhar. Como dissemos anteriormente, o mais comum de se vender nesse formato são os bolos, no entanto, é possível vender qualquer tipo de confeitaria nesse formato.

O empreendedor pode optar por:

Publicidade


Publicidade


  • Torta;
  • Pudim;
  • Brigadeiro Gourmet;
  • Pavê;
  • Pão de Mel;
  • Cheesecake;
  • Entre outros.

Nesse tipo de negócio, o que conta é a imaginação e experimentação da cozinheira. O ideal, a princípio, é começar com os sabores mais populares e já amados pelos clientes, e após ter uma base de clientes, começar a buscar novos sabores e experimentar novas receitas.

Sendo assim, se a ideia for investir nos bolos de pote, por exemplo, o empreendedor pode começar oferecendo os sabores de:

Publicidade

  • Chocolate com brigadeiro;
  • Morango com chantili e suspiro;
  • Morango com chocolate;
  • Ninho com nutela;
  • Cenoura com brigadeiro;

Invista na qualidade dos ingredientes

Falando do pré-preparo das suas mercadorias, a principal atenção a dar é com a qualidade dos ingredientes. Você pode, e deve, economizar em diversos pontos do seu negócio, principalmente no início, porém, os ingredientes, não é um desses pontos.

Publicidade

Preze pela qualidade, por usar boas marcas e comprar de bons fornecedores. Lembre que é essa matéria-prima que irá ditar o sabor dos seus doces, e eles precisam conquistar os clientes para que você sempre tenha para quem vender.

É claro que, isso não quer dizer que você precise comprar da marca mais cara ou importada, porém, é importante sim que os ingredientes que você use sejam escolhidos com tanto cuidado quanto se você os escolhesse para fazer algo para sua família ou pessoas que você gosta.

Escolha a forma como você irá vender seus doces de pote

Fazer doces de pote para vender exige a elaboração de uma boa estratégia de vendas. Você deve escolher o seu público alvo e pesquisar em quais locais você poderá encontrá-lo.

Por exemplo, você pode optar por vender doces na rua, ou de porta em porta. Essa estratégia costuma dar certo na maior parte das vezes, pois sempre é possível encontrar pessoas sedentas por um doce no meio do dia.

Outra alternativa é fazer os doces sob encomenda para festas e eventos. Nesse modelo, as porções dos doces devem ser feitas em tamanho menor e em maior quantidade. Essa também é uma forma muito lucrativa de vender e construir uma imagem positiva para o seu negócio.

Por último, você pode investir nas vendas por delivery, uma das mais populares dos últimos tempos. Para isso, você poderá criar uma página em rede social para divulgar os seus doces e também se registrar nos aplicativos de entregas como o Ifood, Rappi ou Uber Eats.

Investimento e Lucros para fazer doces no pote

Iniciar um negócio de fazer doces no pote não necessariamente exige um grande investimento. É possível começar com pouco, claro que em menor quantidade, porém já é o bastante para criar uma clientela.

Depende muito do tipo de doce e ingredientes que serão necessários, contudo, calcula-se que com um investimento inicial de R$200 já é possível começar a produção de doces.

Publicidade

Em relação aos lucros, é difícil prever inicialmente, contudo, com boa demanda é possível faturar entre R$1.000 e R$5.000 mensais. Mas claro, que tudo isso é muito relativo. O ideal é que o empreendedor faça um levantamento inicial de tudo o que irá precisar, além de uma previsão de vendas. Só dessa forma é possível chegar em valores mais certeiros.

Veja também: Como fazer embalagens caseiras para encantar seus clientes

Publicidade

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário