Como abrir uma pizzaria – Tipos, ponto comercial, como vender e lucros

Um dos negócios de alimentação mais lucrativos desde sempre, são as pizzarias. O amor pela pizza é mundial e muitas pessoas têm nesse prato sua comida preferida. Sendo assim, muitos empreendedores têm o sonho de abrir uma pizzaria, mas não sabem exatamente por onde começar.

Como qualquer negócio de comércio e consumo de alimentos, é necessário ter cuidado redobrado com os documentos exigidos no momento de abrir uma pizzaria. Tudo precisa estar de acordo com a vigilância sanitária, além de outras documentos exigidos pelo município em que o negócio será instalado.

Para além da documentação, também é necessário fazer um bom planejamento financeiro e de mercado.

abrir pizzaria
Publicidade

A seguir nós te explicamos um passo a passo de como abrir uma pizzaria, além de te dar algumas dicas que poderão ajudar o negócio decolar mais rápido.



Tipos de pizzaria

A primeira coisa a ser decidida no momento em que se pensa em abrir uma pizzaria, é qual será o tipo de negócio. Existem alguns tipos de pizzaria que podem ser avaliados pelo empreendedor:

  • Pizzaria Convencional Salão: Essa é a mais comum que oferece além das entregas a opção de o cliente consumir o alimento no local.
  • Pizzaria Delivery: nessa opção, o negócio trabalha apenas com entregas e retirada. Acaba sendo financeiramente um negócio mais barato, pois não exige o aluguel de um imóvel com salão para receber clientes.
  • Pizzaria Fast Food: Esse modelo não é tão comum no Brasil, mas pode dar muito certo. Ele funciona como uma lanchonete onde, ao invés de comprar uma pizza inteira, o cliente consome pedaços. Quem conhece o Pizza Hut, é basicamente o mesmo modelo.
  • Pizzaria Rodízio: Os rodízios têm um lugar especial no coração dos brasileiros. Nesse modelo o cliente paga uma “taxa” e pode consumir quantos pedaços de pizza quiser enquanto garçons passam nas mesas do estabelecimento oferecendo-os.

Público alvo para abrir uma pizzaria

A pesquisa de público alvo é um das etapas de montagem de um plano de negócio, documento muito importante na hora de montar uma empresa.

O público alvo é o que irá ditar várias decisões importantes que o empreendedor precisará tomar. Ele pode ser decidido após o negociante escolher com qual tipo de modelo de pizzaria irá querer trabalhar, ou antes, e dessa forma o público irá influenciar na escolha do modelo.

Publicidade


Publicidade


Por exemplo, digamos que você queira atender em um bairro com público de classe A e B com hábitos de consumo fora de casa e com alto teor de exigência. Provavelmente, você iria optar pela abertura de uma pizzaria tradicional ou de rodízio, e oferecer ingredientes mais requintados, talvez até importados. Do mesmo modo, os preços praticados pelo seu negócio também seriam mais elevados.

Nesse exemplo, foi o público quem ditou a sua escolha de modelo de negócio. Mas o contrário também é possível.

Publicidade

Além do modelo, também será o público que irá ditar a sua escolha por fornecedores, ambientação do seu negócio e a base de preços que devem ser praticados por você.

Publicidade

Em relação aos fornecedores, veja esse artigo de como encontrar bons fornecedores para saber como escolher os melhores para a sua empresa.

Pesquisa de concorrentes

Essa é outra etapa da montagem do Plano de Negócio. Pesquisar os seus concorrentes é importante para saber quem serão os seus competidores na região em que irá abrir sua pizzaria, quais os valores praticados por eles e quais serviços oferecem ao público.

Com esses dados é mais fácil montar estratégias para se diferenciar da concorrência e conseguir conquistar clientes.

Aliás, você sabe como a diferenciação é algo importante em um negócio? Se não entende muito sobre o termo, leia esse artigo onde damos dicas de como se sobressair à concorrência.

Ponto Comercial para abrir uma pizzaria

Após avaliados os dois tópicos anteriores, é o momento de escolher o melhor ponto comercial para instalar a sua pizzaria.

A escolha desse local irá depender do modelo de negócio que você decidiu abrir, porém, uma coisa comum entre todos eles é que o espaço onde será instalada a cozinha deve ser amplo.

Se a opção for por atendimento no local, também é primordial contar com um bom espaço de salão onde ficarão as mesas.

Outro ponto é que o imóvel precisa ter espaço para um estacionamento próprio, estar localizado em região com boa circulação de pessoas e o principal, ser de fácil acesso ao seu público alvo.

Publicidade

Equipamentos e funcionários para abrir uma pizzaria

Fazer pizzas exige alguns equipamentos primordiais que toda a pizzaria precisa ter. Além disso, em casos de atendimento no local, também será necessário investir em móveis para o salão.

Os equipamentos e móveis básicos para abrir uma pizzaria são:

Publicidade

  • Forno industrial (a gás ou lenha)
  • Fogão;
  • Geladeira;
  • Freezer;
  • Masseira;
  • Balança;
  • Mesas e bancadas;
  • Utensílio de cozinha;
  • Panelas e Formas;
  • Máquina fatiadora de Frios;
  • Mochilas térmicas de entrega;
  • Jogos de mesas e cadeiras;
  • Balcão de atendimento;
  • Caixa registradora;
  • Máquinas de cartão;
  • Entre outros.

Em relação aos funcionários, o número irá depender do tamanho e demanda do seu negócio. Mas o quadro básico é composto por:

  • Pizzaiolo;
  • Auxiliares de cozinha;
  • Gerente;
  • Atendentes para pedidos delivery;
  • Garçons;
  • Caixa;
  • Profissional de limpeza geral;
  • Entregadores (próprios ou de aplicativos como o iFood)

Documentação para pizzaria

A parte documental de qualquer negócio de comida é essencial para operar dentro da lei. Para obter todas as licenças, é necessário buscar a ajuda de um profissional contábil que irá, além de fazer a abertura legal da empresa, correr atrás de outras documentações necessárias para operação. Entre esses documentos podemos citar:

  • Inscrição municipal;
  • Inscrição Estadual;
  • Alvará de funcionamento;
  • Alvará de licença do Corpo de Bombeiros;
  • Licença da Vigilância Sanitária;
  • Entre outros.

Investimento e Lucratividade de uma Pizzaria

O investimento mínimo necessário para abrir uma pizzaria é de R$25 mil, contudo esse valor é relativo ao tamanho e modelo do negócio e não está somado o Capital de Giro para manter o negócio enquanto o mesmo não dá lucros.

Em relação à lucratividade, segundo levantamento do Sebrae, é possível faturar até R$60 mil mensais com uma pizzaria, no entanto, assim como o investimento, esse valor é extremamente variável e depende de vários fatores.

Veja também: Como vender sanduíche natural? Dicas de embalagens e como começar

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário