Amazon Prime Day chega ao Brasil e promete grandes descontos

O Amazon Prime Day é uma data de descontos já bastante conhecida dos norte americanos, porém no Brasil, sua primeira edição acontecerá esse ano entre os dias 13 e 14 de outubro.

A Amazon decidiu por incorporar seu famoso evento anual de descontos no Brasil, devido a grande aderência dos brasileiros ao Amazon Prime. O pacote de benefícios que integra o streaming da marca, além de acesso a livros, plataforma de músicas e frete grátis, chegou ao país no ano passado e é um grande sucesso. Segundo Alex Szapiro, diretor da Amazon no Brasil, o Prime teve mais assinaturas no país durante seus 12 primeiros meses, do que em qualquer outro país em que o serviço foi inserido. Por conta disso, os executivos da marca avaliaram que seria de grande valia trazer o Amazon Prime Day  para o país já nesse ano.

Ao todo serão 48 horas de evento e mais de 15 mil produtos em promoção. Terão acesso as ofertas os assinantes da Amazon Prime no Brasil, porém quem ainda não é cliente, poderá fazer a assinatura na hora para aproveitar as promoções. O Prime custa R$9,90 mensais e como já dito anteriormente, agrega vários serviços da empresa por esse valor.

amazon-prime-day

Segundo a gigante do varejo, o evento desse ano, que acontecerá em outros 20 países, promete ser o maior já realizado até hoje. Um dos objetivos é auxiliar também os pequenos lojistas que comercializam seus produtos dentro do marketplace da Amazon. Para a empresa, 2020 foi um ano difícil para a maioria dos varejistas, e o Amazon Prime Day pode ser uma grande oportunidade para os negociantes que viram suas vendas caírem por causa da crise.

Em meio a um ano sem precedentes, estamos empenhados em tornar este o Prime Day de maior sucesso para nossas pequenas empresas. E estamos entusiasmados com os membros Prime em todo o mundo para que descubram novas maneiras de apoiar empreendedores locais e economizar em tudo o que precisam e amam”, foi a fala de Jeff Wilke, CEO da Amazon Consumer, em um comunicado feito pela empresa.

Evento que normalmente acontece no início do segundo semestre precisou ser adiado por conta da pandemia

O Amazon Prime Day é considerado o maior evento varejista online do mundo, e a 5 anos movimenta o mercado durante os seus dois dias de acontecimento. No entanto, esse ano as coisas precisaram ser diferentes divido a pandemia de coronavírus que assolou todos os continentes.

Em julho desse ano a empresa liberou um comunicado explicando que por motivo de assegurar a saúde de seus trabalhadores e clientes, o Prime Day seria adiado em todos os países em que deveria acontecer nesse ano.

A decisão da companhia foi facilmente entendível, já que durante o maior surto, principalmente nos EUA, grande parte da operação da empresa precisou diminuir muito. Muitos lojistas que vendem por meio da Amazon sofreram com atrasos no transporte interno e externo. Isso poderia resultar em grande problema caso a demanda de pedidos aumentasse tanto quanto nos dias de Prime Day.

A previsão da Amazon era poder realizar o evento em outubro, o que foi confirmado recentemente. A data acontecerá pouco mais de um mês antes da Black Friday mundial. Por isso, a empresa está empolgada pelo evento servir de aquecimento para a maior data de promoções do mundo.

Veja também

Preocupação com consumo sustentável cresce em vendas online

No Brasil, além do Prime Day consumidores também poderão contar com o “Descontaço” do Mercado Livre

Não querendo ficar atrás de uma das suas maiores concorrentes em terras tupiniquins, o Mercado Livre, que anunciou recentemente que irá ampliar a oferta de crédito a pequenos negócios, também anunciou seu grande evento de descontos, o “Descontaço”.

As promoções iniciaram no último domingo (27) e irão até o próximo sábado (03). A empresa garante que esse será o maior evento de descontos já realizado por ela. E também afirma que seus centros de distribuição estão prontos para atender a grande demanda de vendas realizada no período.

O objetivo do Mercado Livre é atingir ao menos 70% dos brasileiros com suas promoções. Para isso, uma grande campanha está sendo veiculada nas emissoras de televisão. Com essa iniciativa, a empresa espera que os atendimentos desse período superem as Black Fridays dos útimos anos.

Toda essa confiança, vem do aumento de vendas assombroso com o qual a companhia se deparou. Isso porque, segundo a empresa, as vendas têm chegando a patamares de Black Friday quase todos os dias desde o início da pandemia.

Se quiser aprender como se tornar um lojista na plataforma do mercado livre, dê uma olhada nesse artigo aqui.

Veja também

Consumidores estão comprando mais de negócios locais na pandemia

Aline Resende
Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura do Centro Educacional Uninter. Trabalha na área de comunicação como Social Media e Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para material publicitário.

Deixe seu comentário