5 passos para começar a revendedor produtos e ganhar dinheiro!

Ao começar a trabalhar com uma marca de revenda, muitas dúvidas costumam surgir, qual é a maneira mais indicada de começar, o que comprar primeiro, como tratar o cliente e muito mais.

Se você já fez o cadastro, mas não sabe por onde começar os seus trabalhos esse passo a passo vai te guiar no que é preciso ser feito após ter o cadastro aprovado.

Lembrando que a sua primeira venda pode ser feita para um familiar ou amigo, assim você tem a oportunidade de treinar os seus argumentos com alguém conhecido, de maneira mais confortável.

1 – Tenha produtos a pronta entrega

Tenha produtos a pronta entrega

Tem muita revendedora que é extremamente apegada às revistinhas e, de fato, elas ajudam na hora de mostrar o catálogo de produtos da empresa e para que serve cada um deles. Entretanto, as revistas não devem ser o único instrumento de trabalho das revendedoras. Quem quer algo mais do que ganhar somente um dinheiro extra precisa ter alguns produtos à pronta entrega para facilitar as vendas.

Veja aqui quais são as melhores marcas de revenda!

Na medida que o revendedor ganha experiência e começa a saber quais são os produtos que vendem bem e que vale a pena ter sempre à mão, o consultor pode incluir em todo pedido alguns produtos para deixar num estoque. Esses são peças que devem ser usadas naquelas vendas que precisam ser feitas na hora e que irão te fazer economizar na entrega do produto para o cliente.

Outra coisa que não pode faltar são as amostras grátis. São elas que vão permitir a demonstração de alguns produtos e ajudar no convencimento dos clientes. Afinal, é muito mais fácil sentir vontade de comprar um perfume se você sentir o cheiro dele ou comprar uma peça de roupa depois de conferir se a textura do tecido lhe agrada, não é mesmo?

Inclusive, já foi revelado por revendedores experientes que quanto mais amostras você tiver, melhor, pois quando o cliente é exposto a uma maior quantidade de opções tende a ter mais desejo de comprar. Portanto, faça-o experimentar tudo aquilo que puder, e depois, deixe-o escolher aquele que mais gosta. Se a pessoa não fizer a compra na hora, guarde o contato dela para oferecê-la um desconto depois de alguns dias. A tentação será tanta que as chances de negar novamente serão muito pequenas.

Além da demonstração dos produtos, você também pode usar as amostras grátis das marcas das seguintes maneiras para vender:

  • Brinde em compras: quando for entregar uma encomenda para um cliente deixe na sacola uma ou duas amostras grátis de algum produto que você acredita que a pessoa possa gostar. Vários consultores já alegaram ter vendido exemplares somente realizando essa prática;
  • Promoção com amostras de brindes: crie promoções com produtos combinados e inclua amostras grátis. Com essa estratégia o cliente se sentirá beneficiado e ainda terá uma tentação a mais para comprar, também, os produtos que recebeu como amostra. Mas lembre-se de perguntar ao cliente o que ele achou do produto que deixou de brinde. Assim, você construirá um gatilho perfeito para trabalhar a sua segunda venda para a mesma pessoa.

A aquisição do kit inicial das marcas é altamente recomenda justamente porque nele há a amostra grátis dos principais produtos da marca, algumas peças para ter a pronta entrega e alguns itens de trabalho que podem fazer toda a diferença, como talões de pedidos e bolsas para carregar tudo isso de lá para cá.

2 – Divulgue seus produtos

2 - Divulgue seus produtos

As vendas não vão acontecer do dia para noite se você não divulgar o seu produto. Para te ajudar nessa questão várias estratégias são úteis, inclusive, quanto mais delas forem usadas, melhor.

Veja aqui como funciona a revenda de produtos: fique por dentro!

  • Converse com seus amigos e familiares: a primeira forma de divulgação deve ser para as pessoas mais próximas. Inclusive, é muito comum que as primeiras vendas dos revendedores sejam feitas para amigos ou alguém da família. Para avisá-los da novidade você pode ligar um por um para já oferecer produtos, enviar um aviso no grupo da família e dos amigos ou ainda oferecer uma promoção de início para te ajudar a fazer suas primeiras vendas para esse círculo de pessoas próximas.
  • Divulgue seus produtos em grupos do Facebook: entre em grupos que tenham a ver com o produto que você vende. Se for uma marca de cosméticos, por exemplo, pode ser uma boa ideia entrar em grupos de maquiagens ou tratamento de pele.
  • Envie o catálogo da marca para os seus contatos no Whatsapp: baixe a revistinha atualizada na versão digital e compartilhe com seus contatos informando que você está aceitando encomendas e que é um revendedor oficial daquela marca. Se quiser, envie até o seu código de consultor para dar ainda mais credibilidade à sua proposta.
  • Coloque uma plaquinha em frente à sua casa: muitas marcas já enviam no kit inicial uma placa para os revendedores, isso ajudará a espalhar para a vizinhança que ali poderão encontrar determinados tipos de produtos.
  • Tenha um cartão de visita: um cartão de visita ainda é uma forma tradicional e eficiente de oferecer um serviço ou produto para alguém. Por isso, sempre que tiver a oportunidade deixe seu cartão de visita onde quer que for: no supermercado, salão de beleza e até na casa de amigas.
  • Leve seus produtos e revistas para todos os lugares: nada melhor para atrair clientes do que demonstrar produtos de modo inesperado. Por isso, aproveite ambientes propícios como na espera de uma consulta ou no salão de beleza para oferecer amostras, dar brindes e conquistar o coração das pessoas ao seu redor.

SEGREDO EXTRA: observe a pessoa com quem está conversando. Se ela usa óculos, maquiagem, que tipo de roupa gosta de vestir. Todas essas informações te ajudarão na hora de oferecer o produto certo para aquele perfil de pessoa. Afinal, se você é um revendedor de cosméticos e nota que uma pessoa está usando um perfume doce pode aproveitar essa oportunidade para oferecê-la, de forma discreta, uma fragrância semelhante.

3 – Aprenda a vender pela internet

Aprenda a vender pela internet

Os celulares hoje em dia já são quase mais populares do que a televisão é a difícil ir a um lugar em que a maior parte das pessoas não esteja conectada, afinal, hoje em dia os smartphones servem como verdadeiros faz-tudo. E se já é possível conversar, ouvir música e ver filmes pelas telinhas, fazer compras também não está de fora.

O sucesso dos smartphones é tanto que 40% das vendas online são feitas pelos celulares. Junto com a rede de computadores, notebooks e tablets o setor de vendas pela internet (o e-commerce rende uma média de bilhões de reais. Se o número já é grande agora promete crescer ainda mais em 2019, segundo pesquisas do WebShoppers. A previsão é que os lucros aumentem em 15% durante o ano, totalizando um lucro de R$61,2 bilhões.

Se esses motivos já bastam para você querer aprender a vender pela internet, então mais esse dado vai te provar como ficar de fora do mercado online é perder dinheiro: segundo dados da Google o mercado da internet promete crescer ainda mais nos próximos anos e um novo público passará a comprar online. Ao todo, são cerca 27 milhões de novos internautas que começaram a usar os celulares e notebooks para comprar. E porque não ser você oferecendo o seu produto para toda essa gente?

No começo pode parecer até coisa de outro mundo, mas o fato é que vender pela internet é pode ser até mais fácil do que vender no porta a porta. Pense, por exemplo, que não será preciso sair de casa.

Deixe seu comentário